Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Sexo & Saúde

Sexo & Saúde

Colunista

Lorena Baldotto

TPM bombando? Seguem as dicas para reduzir os sintomas

Lorena Baldotto | 06/12/2021, 18:07 18:07 h | Atualizado em 06/12/2021, 18:07

Hoje eu trouxe um tema que afeta nove em cada 10 mulheres, e esses números foram disponibilizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Claro que a intensidade que elas são afetadas varia muito, mas são muitas as mulheres que sentem ao menos algum desconforto nos dias que antecedem a menstruação, entre 5 a 10 dias antes, que é quando começa a acontecer  mudança de humor, aumento de apetite, inchaço, estresse, entre vários outros sintomas.

Você se identifica com algum deles? Se sim, ou se conhece alguém que precisa saber disso, vou dar aqui algumas dicas para minimizar os sintomas, certo? 

Para começar, evite a cafeína. Mas, doutora, o que o meu cafezinho tem a ver com a piora da TPM? Vou explicar de uma maneira bem simples para que todas entendam: a cafeína provoca uma estimulação que pode resultar em uma sensação de aumento de energia, embora algumas pessoas também possam sentir nervosismo, dores de cabeça e distúrbios do sono, agravando os problemas relacionados à  TPM.

Outra dica é suplementar! Como assim, doutora, o que eu devo suplementar? Tanto na dieta quanto com medicações é importante repor vitaminas e minerais. 

E qual a quantidade? Aí é só com a consulta que vou poder avaliar, porque suplementação não é algo padronizado. Antes a gente tem de saber sobre qual é o nutriente que o seu organismo está em falta, entende? 

Praticar exercício físico e ter uma dieta equilibrada também é fundamental. Aliás, isso é para a vida, não só para essa fase do ciclo menstrual. 

É importante escolher uma atividade que dê prazer e que você consiga fazer com frequência. Você certamente vai ficar mais estimulado para realizá-la e vai liberar mais hormônios bons, que vão te ajudar com as boas sensações que o exercício promove.

O consumo de alimentos ricos em triptofano, selênio, magnésio e ômega 3 também ajuda muito. Sementes, castanhas, ômega 3 e 6, banana e até chocolate auxiliam nesse processo. Obviamente usando com moderação. 

Se você é estressada por natureza, práticas como meditação, ioga e exercícios para aliviar o estresse e tentar diminuir essa carga vão te ajudar muito, pois o estresse agrava a TPM. 

E talvez você precise de ajuda profissional. Fazer terapia também pode te ajudar. 

Agora que você já sabe disso tudo, comece a praticar e, se tiver mais alguma dúvida, ou precisar de ajuda para melhorar esses sintomas, me procure lá no insta @dra.lorenabaldotto.

LORENA BALDOTTO é ginecologista e sexóloga

Seu limite gratuito de 15 matérias bloqueadas acabou...
Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos:
Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

MATÉRIAS RELACIONADAS