Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Sexo & Saúde

Sexo & Saúde

Colunista

Lorena Baldotto

Salto alto na gestação, pode isso, produção?!

| 18/10/2020, 08:52 08:52 h | Atualizado em 18/10/2020, 08:54

Lorena Baldotto
Lorena Baldotto |  Foto: Divulgação
Vamos lá, mulheres! Tem hora que a gente quer sair mais arrumada, tem hora que queremos mais conforto, mas não tem jeito, o uso do salto alto faz diferença no visual. Porém, quando estamos grávidas às vezes fica complicado organizar a coisa toda, nem tudo combina, o pé fica inchado, não cabe mais no calçado e por aí vai.

Mas você sabia que o salto na gestação deve ser usado com moderação? Como é isso? Vou te explicar agora, mas primeiro deixa eu te contar o que acontece com o corpo da gestante.

Os ligamentos que garantem a estabilidade da coluna ficam mais frouxos durante a gravidez, fazendo com que eles fiquem mais propensos a lesões e sobrecargas. É por isso que sempre alertamos sobre os perigos aumentados de grávidas torcerem o pé e até caírem do salto alto.

O aumento de peso durante a gestação, por menor que ele seja, a mudança da forma do corpo e a alteração do centro de gravidade fazem você andar de uma maneira diferente do que andava antes e com menos estabilidade.

Geralmente você tende a ter um andar um pouco mais aberto e levemente inclinado para trás. Para se manter em equilíbrio com o aumento da barriga.

Assim, o uso de salto alto pode piorar esse desequilíbrio. E uma queda durante a gestação não é nada interessante, ela pode te machucar e até o seu bebê pode sofrer algum trauma, dependendo da queda.

Mas será que não pode usar nada? Bom, se você é daquelas mamães que não dispensam o salto de maneira alguma, a dica que eu dou é que você aposte em saltos mais firmes como as sandálias plataformas, anabelas ou de saltos mais grossos.

E olha, a altura não deve passar de 5 centímetros, e já estou sendo bondosa, viu?!

Ah! Outra coisa muito importante, você deve olhar se a sola do sapato que vai usar não é escorregadia ou lisa demais. Para não correr o risco de você tropeçar, desequilibrar ou cair.

O ideal mesmo é evitar salto alto durante a gravidez ou, pelo menos, deixar para usar somente em ocasiões especiais, tipo um evento corporativo muito importante ou o casamento daquela amiga querida, sabe?! Eventos nos quais o uso do salto seja indispensável.

Além disso, todo mundo perdoa uma barrigudinha. Então, se estiver cansada, inchada ou desconfortável, não faça cerimônia em retirar o salto e colocar seus pezinhos para cima.

Combinado? Gostou das dicas? Para essas é muito mais me chama no insta @lorenabaldotto. Terei o maior prazer em te ajudar!

MATÉRIAS RELACIONADAS