Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Sexo & Saúde

Sexo & Saúde

Colunista

Lorena Baldotto

Existe remédio no mercado para recuperar a libido?

Lorena Baldotto | 07/03/2022, 11:14 11:14 h | Atualizado em 07/03/2022, 11:16

Já ouviu alguma amiga, tia, prima, enfim, alguma mulher reclamando da falta de desejo sexual? Infelizmente, isso é muito comum. Esta é uma queixa frequente entre as mulheres e resolver esta questão não é como um passe de mágica, pois envolve muita coisa. Afinal, são vários os fatores que podem estar fazendo com que o desejo desapareça!

É uma pena, mas não existe uma pílula mágica que te dê autoconhecimento, que cure suas crenças limitantes, que cure seus traumas, que te liberte de bloqueios, que te ensine a se permitir, que te ensine o caminho do prazer, porque sim, o prazer está totalmente ligado ao autoconhecimento.

Sim, ele depende muito mais de você do que do seu parceiro. É lógico que o bom desempenho dele também está totalmente relacionado, mas, para chegar lá, no ponto alto da relação sexual, no orgasmo propriamente dito, é necessário se conhecer. 

A verdade é que, na maioria dos casos, precisamos tratar mais a fundo. Muitas vezes, a mulher não consegue chegar lá com o parceiro, mas nem ela mesmo conhece o seu prazer e o que gosta. 

Muitas não sabem conduzir o homem para as suas preferências, posições, jeito de fazer e  preliminares que mais a deixam “subindo pelas paredes”. 

Por isso, digo a vocês que precisamos trabalhar o autoconhecimento, o emocional, a mente e o relacionamento. São várias as questões que envolvem a libido.

Algumas mulheres são visuais como os homens, e só de ver já se sentem estimuladas, mas essas são minoria. A maior parte do público feminino precisa de mais estímulos, mas é importante lembrar que homem não tem bola de cristal e cada mulher é uma, exclusiva e diferente da outra. 

Às vezes, o que deixa uma louca de desejo a outra não gosta e por aí vai. Por isso, é importante se conhecer para saber guiar o homem e ajudá-lo a te dar o prazer máximo durante o sexo.

Mas, doutora, o que eu faço para me conhecer bem? Se estimule! Se toque, se masturbe! Só assim você vai saber o que você prefere e o que não gosta. Só você pode fazer isso por si mesma, e não fazer, gente, é triste, porque é mais  difícil ser plena e realizada no sexo sem o autoconhecimento. 

Os sex shops estão cheios de brinquedinhos para te ajudar nesse processo, nessa busca pelo seu prazer. Que tal visitar um deles e começar essa experiência que, sem dúvida, será muito enriquecedora!

Gostou do conteúdo? No meu insta @dra.lorenabaldotto eu trago esse e vários outros temas para te ajudar a ter uma vida sexual de tirar o fôlego!

LORENA BALDOTTO é ginecologista e sexóloga

Seu limite gratuito de 15 matérias bloqueadas acabou...
Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos:
Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

MATÉRIAS RELACIONADAS