Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Coluna do Estadão

Coluna do Estadão

Colunista

Estado de São Paulo

Doria, Randolfe e a “vaquinha” pela vacina

| 17/10/2020, 10:47 10:47 h | Atualizado em 17/10/2020, 10:48

O governador João Doria (PSDB) e o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) articulam uma espécie de “vaquinha” entre entes da Federação para garantir a aquisição em massa da vacina chinesa (Coronavac) contra a Covid-19, caso não haja ajuda federal.

A ideia é passar o chapéu via consórcios de governadores da região amazônica, Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste e também entidades de municípios, sem ajuda de Jair Bolsonaro. Doria, Randolfe e o secretário da Saúde do Estado, Jean Gorinchteyn, terão audiências em Brasília na próxima semana.

Estica… O temor é de que Eduardo Pazuello insista em um calendário de vacinação considerando apenas o imunizante de Oxford (governo federal).

…e puxa. O conselho de secretários reagiu, como a Coluna antecipou, e pediu inclusão da Sinovac (governo de São Paulo).

Será? Elcio Franco, secretário-executivo do ministério, recuou: não descarta a compra da chinesa. Mas, mesmo assim, para os envolvidos nas negociações, nada ainda é certo.

Crime. Enquanto isso, a epidemia de “fake news” sobre as vacinas, principalmente a chinesa, rola solta.

Proposta... O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, está defendendo a reestruturação da Procuradoria-Geral da República com mecanismos para, segundo ele, evitar o enfraquecimento do procurador-geral perante as poderosas forças-tarefa.

...corajosa e... “Criou-se um ente que não existe em lugar nenhum”, disse Gilmar à Coluna sobre a força-tarefa da Lava a Jato, que “assina até nota à imprensa”.

...polêmica. Uma das propostas é a liberdade para o presidente escolher um PGR de fora do Ministério Público. Gilmar elogiou a opção de Bolsonaro por Augusto Aras justamente pelo presidente ter ignorado a lista tríplice do MPF.

Tô de leve. Boulos (Psol) se preparou para a campanha a prefeito de São Paulo. Perdeu nove quilos até agora. Segue receita de Paula Lavigne: um copo de suco de limão e um café pela manhã, almoço reforçado e jantarzinho frugal.

Xi. No atual ritmo de crescimento (oscilação de 3 pontos porcentuais), Jilmar Tatto (PT) chegará ao segundo turno da eleição em São Paulo. Se ela for em dezembro, diz um “aliado”.

Vai... Joice Hasselmann (PSL-SP) apresentou projeto na Câmara dos Deputados para reduzir a distorção dos custos de cartórios para transações de imóveis. A proposta diz que os valores cobrados não podem variar mais que 50% entre unidades da Federação.

dar... O texto cita estudo da Câmara Brasileira da Indústria da Construção que aponta distorção de até 21.000% no registro de um memorial de incorporação e a convenção de condomínio no RS e em SP.

...o que... Há reclamação sobre os altos valores cobrados pelos registradores de imóveis, o que pode colocar a construção civil ao lado do Centrão e até da oposição no apoio ao projeto: a falta de padronização aumenta o preço dos imóveis.

...falar. Os cartórios registradores perderam a interlocução que tinham no Parlamento, especialmente entre as bancadas paulistas durante os governos do PT.

CLICK. O prefeito Bruno Covas (PSDB), candidato à reeleição em São Paulo, se reuniu com representantes de escolas de samba. “Estamos do lado da cultura.”

Pronto, falei!

Muitos ‘se converteram’ em bolsonaristas nos últimos meses por conveniência eleitoral. Serão novas Joices, novos Frotas? Toda cautela é pouca”

Major Vitor Hugo, deputado federal (PSL-GO)

MATÉRIAS RELACIONADAS