Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Coluna do Estadão

Coluna do Estadão

Colunista

Estado de São Paulo

Aceno de Tasso a Tebet impõe desafio a Doria

| 31/01/2022, 11:42 11:42 h | Atualizado em 31/01/2022, 11:43

Gerou desconforto entre tucanos as recentes declarações do ex-presidente da PSDB Tasso Jereissati (CE) de que vê Simone Tebet (MDB), e não seu correligionário João Doria, como nome mais competitivo da terceira via para a disputa presidencial. 

Entre aliados do governador paulista e mesmo entre quem preferia o gaúcho Eduardo Leite como representante do partido na disputa pelo Planalto, a avaliação é de que o clima de prévias ainda não acabou. 

As falas de Jereissati tiveram grande repercussão durante a semana passada em grupos do partido e lideranças se agilizaram para tentar botar panos quentes e evitar que elas criassem clima de desânimo na corrida eleitoral de Doria.

Poxa. “Tasso exalou um espírito revanchista, e não um espírito partidária”, disse o deputado federal Danilo Forte (PSDB-CE). “Não é uma postura digna da história respeitosa que ele construiu na política. Isso fragiliza e pode desestimular a campanha de João Doria.”

CLICK. Atual secretária da Prefeitura de São Paulo, Marta Suplicy usou as redes para divulgar fotos do encontro que promoveu entre mulheres sobre política. Na imagem, com a ativista Anielle Franco (à direita).

Imagem ilustrativa da imagem Aceno de Tasso a Tebet impõe desafio a Doria
  

Calendário. Com a abertura do ano judiciário, amanhã, o STF terá à frente uma sequência de decisões relacionadas a temas eleitorais. As ações vão desde detalhes das federações partidárias, novidades deste ano, o tempo de inelegibilidade previsto na Lei da Ficha Limpa e ainda os rumos do fundão eleitoral.

Avaliação. Do advogado Sérgio Rosenthal: “Embora caiba ao TSE a última palavra em questões que envolvam o processo eleitoral, não há dúvida de que os verdadeiros maestros das eleições de 2022 serão os ministros do STF.”

Voando. No Ministério da Infraestrutura, tem sido grande o desafio de encontrar um meio termo para conciliar os interesses da pasta e as demandas locais cariocas no grupo de trabalho que discute o edital de concessão do aeroporto Santos Dumont, no Rio.

Voando 2. A Assembleia do Rio chegou a tentar suspender o certame por entender que a mudança prejudicará o aeroporto do Galeão. “O grupo de trabalho legitima a covardia contra o Rio”, disse o presidente da Casa, deputado estadual André Ceciliano (PT).

Percepção. Pesquisa da Associação de Relações Institucionais e Governamentais (Abrig) aponta que o porcentual de profissionais que acham que o seu principal desafio é estabelecer interlocução com o Executivo para defender interesse dos representados caiu de 54,6%, em 2019, para 45,5%, em 2021.

5 curiosidades... Bastante assíduo nas redes sociais, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, também embarcou na onda das listas sobre curiosidades de sua vida privada.

...sobre mim. Além de revelar ter sido jogador profissional de tênis, Faria também contou a seus seguidores que era um praticante de surfe. Ele tenta, agora, “surfar” na onda do 5G para capitalizar uma possível eleição em seu Estado, o Rio Grande do Norte.


PRONTO, FALEI


"É triste ver como o País está despreparado para chuvas de grande intensidade. Se investissem em política de prevenção, muitas tragédias seriam evitadas”. Paulinho da força, deputado federal (SD-SP)

Paulinho da Força, deputado federal
Paulinho da Força, deputado federal |  Foto: Divulgação
 
Seu limite gratuito de 15 matérias bloqueadas acabou...
Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos:
Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

MATÉRIAS RELACIONADAS