Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Claudia Matarazzo

Colunista

Claudia Matarazzo

Novo local de trabalho presencial

| 28/05/2020, 07:03 07:03 h | Atualizado em 28/05/2020, 07:04

Quando acabar o home office precisamos estar preparados: novos protocolos de saúde e normas sanitárias serão adotados. E quando antes nos ajustarmos, melhor!

Ajustes radicais – Os espaços de escritório terão ajustes tanto na forma como são operados quanto nos serviços prestados. A proximidade será rigorosamente observada: ainda vamos precisar manter à distância de 1,5m – e não dá para fazer isso em um escritório cheio de gente.

Menos é mais – Será essencial reduzir a quantidade de pessoas no ambiente de uma vez só.

Rodízio – A empresa pode combinar com seus funcionários alternar grupos em home office – e isso vai ser feito caso a caso - até tudo isso acabar de vez. Ou por que não continuar num esquema similar para sempre depois, se der certo?

Há a alternativa de persianas como divisórias, vidro, ou outros materiais – mas será preciso  colocar mais barreiras sim entre departamentos e até entre as pessoas para dificultar o contágio.

Com Licença – Agora, antes de se aproximar, será preciso voltar a pedir licença – já que o gesto

havia sido abandonado em nome da tal “interação”.

Segurança – Essa é a palavra agora. E não é mais uma questão de Etiqueta em sim de Etiqueta

Preventiva, entende?

Um exemplo dessa forma de etiqueta são os elevadores! Ao ver que há duas pessoas aguardando para entrar (mais velhas ou com mais pressa) deixe que entrem na frente e vá de escadas.

Em tempo: essa é a nossa chance de melhorar nossa capacidade pulmonar!

Será muito mais aconselhável usar, sempre que puder, escadas. Parece cansativo no começo, mas você logo verá que é um intervalo muito bem-vindo e que nosso corpo agradece depois de algum tempo.

Indicadores visuais – Parece óbvio mas não é e ajuda muuuuuito em empresas com mais funcionários:  colocar sinalizadores simples para que as pessoas saibam onde devem andar, ficar em pé e se sentar!

Usuários sentem-se mais seguros, e também reduz a ansiedade de que elas possam estar ou colocar outros em perigo.

Você pode ajudar a transformar seu local de trabalho coletivo e presencial: se for funcionário, sugira, questione, se ofereça para ajudar.

E se for líder, peça sugestões e tome providências.

E se cuide!

MATÉRIAS RELACIONADAS