Login

Atualize seus dados

CACHOEIRO

VÍDEO| Pastor de Cachoeiro morre após sofrer AVC durante culto

Como o culto estava sendo transmitido pela internet, o momento foi totalmente registrado pelas câmeras

21/10/2021 08:29:09 min. de leitura

Um pastor de 48 anos morreu após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) enquanto pregava em uma igreja evangélica de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado.

Imagem ilustrativa da imagem VÍDEO| Pastor de Cachoeiro morre após sofrer AVC durante culto
Pastor Geter da Silva tinha 48 anos Foto: Redes sociais
 

O corpo do pastor Geter da Silva, também conhecido como Getinho, será sepultado nesta quinta-feira (21), no cemitério do bairro Coronel Borges. O velório acontece desde o início da manhã na capela do bairro. O sepultamento será às 11 horas.

O pastor participava de um culto especial na igreja Só o Senhor é Deus, durante a Convenção Regional, no domingo (17). Após um breve testemunho, ele começou a cantar a música “Soldado Ferido”. Alguns minutos depois, logo após um trecho que falava ‘não deixe um soldado ferido morrer’, Geter caiu.

O pastor ainda conseguiu soltar um grito de aleluia, antes de perder os sentidos. Um homem e uma mulher que estavam sentados atrás do púlpito conseguiram segurar o pastor e impedir que ele se chocasse com força no chão.

 

Como o culto estava sendo transmitido pela internet, o momento foi totalmente registrado pelas câmeras, que também mostraram a preocupação dos irmãos. Muitos se levantaram para socorrer Geter, outros impuseram suas mãos em oração.

Geter foi socorrido e levado para a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro. Seu quadro se agravou e ele foi transferido para um hospital de Vitória, onde morreu nesta terça-feira (19).

O pastor presidente da Igreja Só o Senhor é Deus, João Amorim, lamentou a morte. “É um momento triste. Nossa igreja perdeu, mas o céu ganhou. Geter era um companheiro, um soldado, um guerreiro”, disse.

Geter era uma pessoa muito popular em Cachoeiro. Trabalhava como vigia pela Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim e recentemente montou um pequeno negócio de produção e venda de picolés. Seu sonho era terminar de construir sua casa própria, que estava em obras.