Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

VÍDEO | Meninos "pegam onda" em rua alagada de Vila Velha

| 08/03/2021 14:01 h | Atualizado em 08/03/2021, 14:35

Uma estudante registrou uma cena inusitada durante a forte chuva que atingiu o Estado, na noite deste domingo (7). Quando tentava voltar para casa, Juliana Kuster, de 33 anos, encontrou um grupo de adolescentes surfando em uma rua alagada próxima ao Terminal de Vila Velha, no bairro Divino Espírito Santo.

"Eu achei a cena muito engraçada, porque, enquanto estava todo mundo preocupado em perder os carros, eles estavam curtindo e se divertindo horrores", contou a estudante.

Ainda de acordo com Juliana, eram cerca de 10 adolescentes que pareciam ter entre 12 e 14 anos. "Eles pegaram uma prancha de Stand Up e, todo carro que passava, eles faziam uma festa, porque formavam umas ondinhas", lembrou.

Perigo nas enchentes

Apesar de os meninos terem aproveitado a chuva para se divertir, a orientação da Defesa Civil Estadual é que, em caso de alagamento, as crianças não devem brincar na enxurrada ou em águas de córregos porque elas podem ser levadas pela correnteza ou se contaminar com doenças graves como hepatite e leptospirose.

Confira outras orientações da Defesa Civil em caso de alagamento, raios e deslizamentos:

Alagamentos

  • Não deixe crianças trancadas em casa sozinhas;
  • Mantenha sempre pronta água potável, roupa e remédios, caso tenha que sair rápido da sua casa;
  • Conheça o Centro de Saúde mais próximo da sua casa, pode ser necessário;
  • Avise aos seus vizinhos sobre o perigo, no caso de casas construídas em áreas de risco de deslizamento;
  • Avise, também, imediatamente ao Corpo de Bombeiros e à Defesa Civil;
  • Convença as pessoas que moram nas áreas de risco a saírem de casa durante as chuvas;
  • Avise imediatamente ao Corpo de Bombeiros ou Defesa Civil sobre áreas afetadas pela inundação;
  • Antes de tudo, salve e proteja sua vida, a de seus familiares e amigos. Se precisar retirar algo de sua casa, após a inundação, peça ajuda à Defesa Civil ou ao Corpo de Bombeiros;
  • Coloque documentos e objetos de valor em um saco plástico bem fechado e em local protegido;

Raios e tempestades

  • Evite lugares que ofereçam pouca ou nenhuma proteção contra raios tais como: pequenas construções não protegidas como celeiros, tendas ou barracos ou veículos sem capota como tratores, motocicletas ou bicicletas;
  • Evite estacionar próximo a árvores ou linhas de energia elétrica;
  • Evite estruturas altas tais como torres, de linhas telefônicas e de energia elétrica;
  • Alguns lugares são extremamente perigosos durante uma tempestade. Por isso: NÃO permaneça em áreas abertas como campos de futebol, quadras de tênis e estacionamentos;
  • Não fique no alto de morros ou no topo de prédios
  • Não se aproxime de cercas de arame, varais metálicos, linhas aéreas e trilhos;
  • Nunca se abrigue debaixo de árvores isoladas.

Deslizamentos

  • Não desmate morro e encostas para assentamento de casas e outras construções.
  • Se perceber os riscos de deslizamento de um morro ou encosta, avise aos seus vizinhos sobre o perigo, no caso de casas construídas em áreas de risco de deslizamento. Avise, também, imediatamente ao Corpo de Bombeiros e à Defesa Civil.
  • Convença as pessoas que moram nas áreas de risco a saírem de casa durante as chuvas;
  • Você pode fazer junto com a sua comunidade um plano de evacuação:
  • Se você está morando numa área de risco, tenha com sua vizinhança um plano de evacuação com um sistema de alarme.
  • É um plano que permite salvar a sua vida e de seus vizinhos.
  • Caso a localidade onde você mora ainda não tem esse plano, converse com o Prefeito e o Coordenador de Defesa Civil.

Sinais

  • Se você observar o aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas, inclinação de tronco de árvores, de postes e o surgimento de minas d’água, avise imediatamente a Defesa Civil;

Fonte: Defesa Civil Estadual

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS