X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Tratamentos para dentes avançam com tecnologia 3D

| 18/06/2020 18:22 h

O avanço tecnológico impactou positivamente diversas áreas da sociedade, inclusive na odontologia. Os resultados em tratamentos dentários estão mais precisos graças a novas ferramentas e técnicas que chegaram ao Estado, como a tecnologia 3D.

Utilizando um escâner e uma impressora que criam imagens tridimensionais, dentistas conseguem mapear a estrutura dentária e planejar digitalmente a reabilitação oral do paciente, próteses e outras intervenções. Segundo a dentista Catarina Riva, a odontologia digital torna o processo mais ágil e preciso, e permite prever o resultado final.

“Em 10 segundos, o escâner importa imagens da boca do paciente para o computador, onde fazemos toda a análise do sorriso dele. É como se fosse uma moldagem virtual”, pontua Catarina. “Para implante, a partir desse planejamento digital, os comandos são enviados para a impressora 3D, que o imprime em cerca de 40 minutos”.

Dentista Catarina Riva disse que  a odontologia digital permite ao profissional prever resultado final do tratamento.
Dentista Catarina Riva disse que a odontologia digital permite ao profissional prever resultado final do tratamento. |  Foto: Dayana Souza/AT

O dentista Rosemberg Campos Junior destaca que o fluxo digital permite criar e fixar dentes novos em um único dia. Sem essa tecnologia, a moldagem de uma prótese demora cerca de duas semana.

Outra novidade na área é quanto ao material utilizado nos implantes, que garante um sorriso mais natural de acordo com o periodontista e mestre em implantes dentários Thiago Degli Esposti.

A tendência agora é o uso de parafusos cerâmicos de zircônia, que vêm substituindo os de titânio.

“As vantagens dessa inovação no material são a osseointegração, maior biocompatibilidade e, especialmente, a estética”, afirma Thiago.

A técnica de enfermagem e auxiliar de saúde bucal Luciana Aparecida da Rocha, 40, está na expectativa pelo implante com a nova tecnologia de cerâmica na próxima semana. “Já faz tempo que perdi um dente, mas agora estou com necessidade de fazer para melhorar a função e a estética”.

Novas técnicas

  1. O escâner intraoral captura imagens da estrutura dentária, gravando detalhes como tamanho, formas e posição dos dentes. A digitalização demora 10 segundos, causando o mínimo de desconforto se comparado aos antigos moldes feitos com massa.
  2. As imagens são enviadas para o computador, onde o dentista faz o planejamento do trabalho. O projeto digitalizado garante maior precisão no resultado e fica gravado. Além disso, o paciente consegue prever como ficará seu sorriso.
  3. As próteses e implantes são confeccionados com tecnologia 3D. Pode ser por impressora que, usando material líquido, molda um bloco do material a ser utilizado com jatos de água. Uma peça pode demorar apenas 40 minutos para ficar pronta para ser aplicada.

Fonte: Dentistas consultados.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS