Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Prefeitura proíbe shows e som nas praias do Sul

Caso a ordem seja descumprida, o responsável receberá uma multa de R$ 631,30 para veículos de pequeno porte, R$ 1.893,91 para os de grande porte e R$1.262,61, quando a ocorrência for registrada em casas.

Anny Freire | 25/01/2022 20:11 h

Imagem ilustrativa da imagem Prefeitura proíbe shows e som nas praias do Sul
 

Para conter o avanço da covid a prefeitura de Itapemirim, no Sul do Estado decretou, nesta segunda-feira (24), a proibição de shows e uso de som nas praias. Caso a ordem seja descumprida, o responsável receberá uma multa de R$ 631,30 para veículos de pequeno porte, R$ 1.893,91 para os de grande porte e R$1.262,61, quando a ocorrência for registrada em casas.

Fica proibida, também, independente da classificação de risco, a realização de shows artísticos, incluindo marchinhas, matinês, batucadas, desfiles, música ao vivo, além do funcionamento de boates e eventos com shows pirotécnicos.

De acordo com a prefeitura, as restrições se aplicam a toda e qualquer festa, independente da natureza, promovidos por iniciativa pública ou particular, seja em lugares públicos ou comércios.

O decreto também proíbe a permanência e circulação de instrumentos amplificadores de som, bem como som automotivo e equipamentos sonoros portáteis nas praias e vias públicas do município, ligados ou desligados, sob pena de aplicação de multas pela fiscalização ambiental.

A legislação regulamenta ainda os limites de decibéis toleráveis para emissões sonoras, seja no período noturno ou durante o dia, em espaços urbanos ou rurais do município, além de ambientes comerciais e residenciais.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS