Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Por dentro das novidades do mosteiro budista

| 27/08/2021 15:10 h | Atualizado em 27/08/2021, 15:24

Estátua do Buda tem mais de 35 metros de altura, o que equivale a um prédio de aproximadamente 11 andares
Estátua do Buda tem mais de 35 metros de altura, o que equivale a um prédio de aproximadamente 11 andares |  Foto: Kadidja Fernandes/AT

Cartão-postal que atrai visitantes do País e do exterior ao município de Ibiraçu, na Região Norte, o templo budista Mosteiro Zen Morro da Vargem vai inaugurar ao menos três novidades em seu roteiro turístico, a partir deste sábado (28).

Entre elas, que foram conferidas de perto pelo jornal A Tribuna, estão o Bosque da Sabedoria; a Kanzeon, uma escola de cerâmica; e o Grande Buda, conhecido como “Buda Gigante”, a maior estátua do líder religioso erguida na América Latina.

Apesar de terem sido abertos ao público em 2020, nenhum desses espaços foi, de fato, inaugurado, tanto por causa da pandemia quanto por atrasos nas obras.

Mas, desta vez, o tão aguardado evento finalmente vai acontecer: será neste sábado, a partir das 10 horas, na Praça Torii, que fica às margens da BR-101.

Quem for visitar o local poderá conhecer, por exemplo, o Bosque da Sabedoria, onde podem ser feitos até piqueniques. O local, que era abandonado, foi revitalizado para receber os turistas.

Atração principal do parque, o “Buda Gigante”, com mais de 35 metros (altura de um prédio de 11 andares), ainda possui um lago sob seus pés, que também é grandioso.

Outra novidade, cujo lançamento também será neste final de semana, é o livro “Buddah”, que traz registros fotográficos do local sob diferentes luzes e ângulos.

Monge Kendo Bitti: atrações
Monge Kendo Bitti: atrações |  Foto: Kadidja Fernandes/AT
De acordo com o monge Kendo Bitti, de 27 anos, esses novos espaços surgiram pela necessidade de movimentar o turismo da cidade, além do desejo de mostrar aos curiosos quais os principais conceitos do budismo.

“Não só queremos ajudar a economia da região, como também lembrar as pessoas para que se tornem sempre melhores, sejam elas católicas, evangélicas ou de outra religião”, avaliou.

Fundado em Ibiraçu, no ano de 1974, o mosteiro budista, além de servir como “refúgio espiritual” para os monges , desenvolve projetos sociais para a comunidade do entorno.

É o caso da escola de cerâmica Kanzeon, que, há um mês, abriu as portas para moradores em vulnerabilidade social dos municípios de João Neiva, Ibiraçu, Aracruz e Fundão. As peças confeccionadas podem ser compradas no local.

“Promovemos a capacitação profissional de mulheres, idosos e jovens, para que eles possam ter uma fonte de renda”, afirmou o professor do curso, Márcio Nogueira, de 62 anos.


Saiba mais


Onde fica

  • O mosteiro Zen Morro da Vargem fica na zona rural de Ibiraçu, no Norte do Estado. A principal entrada para acessar o local é pela Praça Torii, que fica às margens da BR-101. Da praça até o mosteiro budista, são 4,2 quilômetros de estrada e a 350 metros de altitude.

  • Apesar de serem em locais diferentes, tanto a praça quanto o mosteiro são geridos pela comunidade budista do Espírito Santo.

Novidades

  • Livro fotográfico, bosque para piqueniques, uma escola de cerâmica e o Grande Buda são as atrações que o mosteiro vai inaugurar amanhã, a partir das 10 horas. O evento será para 250 convidados, entre autoridades e membros da comunidade budista do Estado.

  • As obras do Buda gigante foram finalizadas no ano passado, mas a inauguração oficial vai ocorrer neste final de semana.

  • Ele, que é um símbolo de fé e realização espiritual, tem chamado a atenção dos turistas, por ser a maior estátua do líder religioso do budismo da América Latina, com 35 metros de altura (altura de um prédio de 11 andares).

  • Ampliando a abrangência da praça Torii, onde também ficam as outras atrações, o mosteiro transformou uma área abandonada em um bosque, que possui mesas, bancos, área verde e monumentos ornamentais.

  • Além disso, o livro “Buddha”, que também será lançado amanhã, reúne fotos do acervo do mosteiro e do fotógrafo Vitor Nogueira.

Outros pontos de visitação

  • Além das novas atrações, o mosteiro disponibiliza a entrada em vários ambientes, tais como a Estação Cultural, onde ficam expostas obras artísticas; um portal que guarda um lago e um jardim típico japonês; os 108 toriis (portal tradicional japonês) entre outras atrações.

  • Destaque também para os monumentos que ficam no interior do local, como estátuas gigantes e construções antigas, típicas da religião.

  • Aos pés do Grande Buda, às magens da BR-101, ainda existe um lago com cascatas.

Como visitar

  • Quem quiser conhecer a Praça Torii pode visitá-la todos os dias da semana, de forma gratuita, em qualquer horário. Mas, caso queira subir até o Mosteiro Zen, deve ser aos domingos, a partir das 8 horas. Por causa da pandemia, o local só comporta até 150 pessoas. Se estiver chovendo, a visita é cancelada.

  • É preciso pagar uma taxa de R$ 15 (adultos) ou R$ 10 (crianças de 5 até 10 anos de idade) para o passeio. A taxa deve ser paga em dinheiro.

  • Só é necessário fazer agendamento prévio em caso de grupos com 10 ou mais pessoas. O visitante terá até ao meio-dia para fazer todo o tour. Não é permitida a entrada a pé nem a entrada de animais.

  • No mosteiro, o turista fará uma visita guiada com voluntários, que dão detalhes sobre a história do local. Depois, ele fica livre para explorar as diversas trilhas da região.

Fonte: Mosteiro Zen Morro da Vargem.


Retiros espirituais devem voltar em novembro

Destinado às pessoas que querem viver o dia a dia dos monges budistas, o Mosteiro Zen Morro da Vargem, em Ibiraçu, já planeja voltar a fazer retiros, a partir de novembro, paralisados na pandemia.

Segundo o monge Kendo Bitti, a ideia é que os interessados passem alguns dias no local, vivenciando a mesma rotina dos religiosos.

“Queremos fazer um teste em novembro e, depois, analisaremos se é viável retomar de vez. Como temos uma grande preocupação com a covid, precisamos avaliar a situação.

Outros projetos planejados para os próximos meses é a parceria com agricultores da região, para que possam vender seus produtos na Praça Torii; e a criação de estacionamento às margens da BR-101, para facilitar a visitação.

Novidades para visitantes
Novidades para visitantes |  Foto: Kadidja Fernandes/AT
Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS