X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Padre causa polêmica ao dizer que menina capixaba "compactuou com o estupro"

| 20/08/2020 17:48 h | Atualizado em 20/08/2020, 18:39

Padre Ramiro José Perotto
Padre Ramiro José Perotto |  Foto: Acervo Pessoal
Um padre de Carlinda, cidade a 774 km de Cuiabá, capital do Mato Grosso, causou polêmica nas redes sociais ao duvidar da menina capixaba de 10 anos, que foi estuprada e engravidou, segundo a Secretaria de Segurança Pública, do próprio tio.

Ramiro Rosé Peroto, padre da cidade, comentou em uma rede social que a menina de São Mateus, no Norte do Espírito Santo, "compactuou com o estupro". As informações são do Portal G1.

Por questões legais e de saúde da menina, o aborto foi autorizado pela Justiça capixaba e realizado em Recife, Pernambuco, após negativa no Hospital das Clínicas de Vitória.

A polêmica começou depois que o padre compartilhou uma mensagem do presidente da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), lamentando o aborto realizado. A resposta gerou reações dos seguidores e um deles chegou a falar em "hipocrisia" e que a gravidez por estupro era repugnante".

O padre rebateu o comentário e, duvidando da palavra da menina, disse que "apostava a cara". "Ela compactuou com tudo e agora é menina inocente. Gosta de dar então assuma as consequências", escreveu.

Momentos depois, o padre afirmou que deixaria as redes sociais, antes de zombar de um seguidor.
"Você acredita que a menina é inocente? Acredita em Papai Noel também. Seis anos, por quatro anos, e não disse nada. Claro que estava gostando", afirmou.

Em um comunicado público, Ramiro Rosé Peroto pediu perdão e disse que "não foi sua intenção proferir palavras de baixo calão".

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS