X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Número de casamentos volta a crescer no Estado

| 11/08/2021 18:04 h

Com o avanço da vacinação e redução de mortes por covid-19, o número de casamentos no Estado volta a crescer.
Após redução, em 2020, os registros em cartório de matrimônios voltaram a subir. Foram 9.950 casamentos realizados de janeiro a junho deste ano no Espírito Santo, contra 7.695 cerimônias no mesmo período do ano passado.

O casal 
Salua  Maffei e   Albérico Blanes em registro fotográfico do casamento, que foi antecipado 
e  realizado em maio deste ano. “Fizemos uma cerimônia íntima e significativa”, disse  Salua
O casal Salua Maffei e Albérico Blanes em registro fotográfico do casamento, que foi antecipado e realizado em maio deste ano. “Fizemos uma cerimônia íntima e significativa”, disse Salua |  Foto: Sintonia Fotografias/ divulgação
Os dados são do Sindicato dos Notários e Registradores do Estado (Sinoreg- ES) e mostram ainda que, em 2020, ao todo, foram celebrados 19.560 casamentos no Espírito Santo. De 2016 a 2019, os registros passaram de 23 mil por ano.

A cerimonialista e celebrante de casamentos Liandra Zanette afirma que já é possível perceber a retomada dos matrimônios.

“Uma parte dessa retomada é de casamentos que foram adiados no ano passado. Neste ano e no ano que vem, serão, em parte, reflexos das remarcações de 2020”, observa Liandra.

Ela destaca também que, para o próximo ano, muitos casais estão na expectativa de se casarem dentro da “antiga normalidade”, anterior à pandemia.

“Esses casais querem se casar sem o uso de máscara e sem nenhum tipo de restrição, porque hoje os eventos têm protocolos sanitários que precisam ser cumpridos. Eles também estão na expectativa de que a vacinação esteja avançada, sem necessidade de protocolos complementares a serem seguidos”.

Assim como Liandra, a cerimonialista Carla Viana também destaca para este ano as remarcações das celebrações adiadas por conta da pandemia.

“Uma grande lição que aprendemos de 2020 até agora foi a valorização da unidade, da família, da presença das pessoas, inclusive nas celebrações”.

Ao contrário de muitos casais, a turismóloga Salua Maffei, de 39 anos, e o agente marítimo Albérico Blanes, 28, adiantaram a celebração, que seria em outubro, para 27 de maio deste ano. O casamento teve uma cerimônia apenas com a presença das testemunhas e da filha do casal, Angelina, de 2 anos.

“Como não tínhamos previsão de realizar uma festa, preferimos adiantar. Fizemos uma cerimônia íntima e significativa. Pretendemos realizar, mais à frente, uma renovação de votos com uma festa”, conta Salua.

Mais de 4 mil casais já se divorciaram este ano

Assim como o número de casamentos vem crescendo no Estado, a quantidade de divórcios também está chamando a atenção. São 4.547 separações este ano, de janeiro a junho, contra 3.683 no mesmo período do ano passado, segundo dados do Sindicato dos Notários e Registradores do Estado (Sinoreg- ES).

A advogada e professora de Direito de Família e Sucessões Rayane Vaz Rangel explica que os casais já vinham enfrentando problemas e a pandemia trouxe várias situações, que agravaram ainda mais a relação. “A convivência, a instabilidade emocional e financeira foram um divisor de águas em alguns relacionamentos”.

O advogado Tomás Baldo, especialista em Direito de Família, ressalta que, nos últimos meses, até casais com menos de cinco anos de casados estão se divorciando.

“Temos de lembrar que os casais com filhos menores de idade não podem se divorciar no cartório, porque o Ministério Público precisa fiscalizar o interesse do menor no processo judicial”, frisou.
 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS