X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Novo tipo de seguro pode ser ativado a hora que o motorista quiser

| 12/10/2020 16:43 h

Acidente de carro: especialistas recomendam manter proteção 24 horas
Acidente de carro: especialistas recomendam manter proteção 24 horas |  Foto: Divulgação

Uma nova modalidade de seguro automotivo, que ainda é pouco conhecida no Estado, tem ganhado força durante a pandemia. O seguro “pay per use” ou “use e pague” é uma proteção que só é cobrada de acordo com o uso.

“O cliente liga o seguro e desliga a hora que quiser. Ele só é cobrado pelo período que usou”, destaca o presidente do Sindicato das Seguradoras (Sindseg) do Rio e do Espírito Santo, Antonio Carlos de Melo Costa.

Costa pondera que o ideal é um seguro 24 horas. “Eu chamo a atenção, por exemplo, para acidentes em garagens. Há pouco tempo, tivemos o desabamento em um condomínio de Vitória. Dezenas de carros foram destruídos e as seguradoras pagaram por esses veículos. Imagina se os proprietários tivessem esse tipo de cobertura e todos tivessem desligados?”

O “pay per use” é em sua essência mais caro do que um seguro comum, quando se faz a conta ao final do ano, de acordo com Costa. Esse tipo de seguro é relativamente novo no País. Na Europa e nos EUA, tem sido determinante na concorrência de seguros.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS