X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Moradores da Praia do Canto vão fazer treinamento de incêndio com bombeiros

| 22/10/2020 17:46 h | Atualizado em 22/10/2020, 17:58

Bombeiro atuando em incêndio em prédio na Praia do Canto
Bombeiro atuando em incêndio em prédio na Praia do Canto |  Foto: Leonardo Bicalho/ AT - 19/10/2020

Os moradores da Praia do Canto, em Vitória, vão fazer um treinamento para ter conhecimentos básicos sobre como agir em uma situação de incêndio. A capacitação comunitária será ministrada pelo Corpo de Bombeiros, no quartel da corporação, localizado na Enseada do Suá, também na capital, na próxima terça-feira (27).

De acordo com o vice-presidente da Associação de Moradores da Praia do Canto, Aylton Dadalto, o pedido foi feito pela entidade ao comando do Corpo de Bombeiros após o incêndio em um apartamento na noite de segunda-feira (19), que resultou na morte de um menino de 4 anos.

O vice-presidente da associação de moradores explicou que a comunidade quer participar do treinamento para ter conhecimentos básicos sobre como agir e salvamento em uma ocorrência de incêndio. “Talvez, se alguém tivesse um treinamento, poderia ter conseguido salvar a criança”, lamentou ele.

Dadalto informou que, pelo menos, 150 moradores já se inscreveram para participar do treinamento. Eles serão divididos em três grupos de 50 pessoas e o primeiro deles terá a capacitação às 18h, de terça.

O assessor de comunicação do Corpo de Bombeiros, major Fábio Maurício Rodrigues Pereira, enfatizou que esse tipo de treinamento já é feito historicamente pela corporação em bairros, faculdades e empresas.

“É uma palestra de duas horas e depois os participantes fazem um exercício prático de mais uma hora para a gente mostrar como funcionam os equipamentos. Não é um curso de formação, mas a gente tem total interesse que as pessoas saibam como utilizar os equipamentos”, explicou ele.

O major informa que por conta da pandemia a corporação está tendo que se adequar as normas sanitárias de distanciamento para fazer os treinamentos que podem ser agendados pelas associações de moradores.

Segundo ele, para agendar é necessário que o representante envie ofício por e-mail para a companhia da cidade onde mora. Clique aqui para ver a lista de endereços.

Bairro em choque

O vice-presidente da Associação de Moradores da Praia do Canto, Aylton Dadalto, explicou que três dias após o incêndio, que resultou na morte do garoto de 3 anos, as pessoas pelo bairro ainda seguem em choque por conta da tragédia.

“As pessoas estão chocadas com a situação, porque poderia ser em qualquer casa e por ser uma criança, de 4 anos, as pessoas ficaram abismadas”, contou ele.
 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS