Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Mães suspeitam que bebês foram trocados em hospital

SBT | 29/01/2022 08:39 h

Duas mães vivem um drama desde o fim do ano passado. A suspeita é que os filhos recém-nascidos tenham sido trocados no hospital. Um exame de DNA já comprovou que um dos bebês não está com a mãe biológica.

A angústia para as famílias já dura um mês. Os dois meninos nasceram no dia 29 de dezembro de 2021, no Hospital São Silvestre, em Aparecida de Goiânia, Goiás.

 

SBT News
 

A suspeita da troca de bebês foi levantada por uma das mães que, ao deixar o hospital, percebeu que na pulseirinha do recém nascido que carregava o nome não era o do filho dela.

Juciara conta que foi comunicada pelo hospital sobre a possibilidade da troca quando ainda estava internada, após dar à luz, mas teria sido orientada a levar a criança para a casa depois da alta, mesmo sem o esclarecimento do caso.

"Eles disseram que era uma troca de pulseira lá e que o bebê poderia ter trocado as pulseirinhas na hora que foi feito o teste do pezinho. Quando surgiu essa duvida, eu só queria acreditar que fosse só essa troca de pulseira, né?", conta a mãe.

A unidade admite que houve quebra de protocolo no atendimento e disse que apura os fatos. Funcionários já foram afastados.

As famílias ainda não sabem se vão destrocar os bebês. "Não é um objeto pra chegar e só trocar, só eu pegar o meu e ela pegar o dela. Não é assim. A gente já se apegou, eu já amo essa criança. Vou querer saber sim se o que está lá é o meu mesmo, vai que a gente não sabe, né?".

A Polícia Civil informou que após os depoimentos das mães e da direção do hospital, a investigação deve apontar os possíveis responsáveis pelo erro.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS