X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Estudante capixaba ganha prêmios em feira de jovens cientistas

Lara Chieppe pesquisou o uso de algoritmo para automatizar diagnósticos

Nathália Cerri Cantarela | 05/08/2022 17:11 h

Lara Gomes Chieppe, 17, está cursando a 3ª série do Ensino Médio
Lara Gomes Chieppe, 17, está cursando a 3ª série do Ensino Médio |  Foto: Divulgação
 

A estudante capixaba Lara Gomes Chieppe teve seu projeto de pesquisa reconhecido recentemente na última Feira Brasileira de Jovens Cientistas (FBJC). Ela ganhou o Prêmio Estreante Destaque e o segundo lugar na categoria Ciências Exatas e da Terra com sua pesquisa sobre o uso de inteligência artificial em diagnósticos.

Lara tem 17 anos e está cursando a 3ª série do Ensino Médio. Seu estudo analisou a possibilidade de automatizar o diagnóstico de doenças detectáveis por imagens de Ressonância Magnética. “Escolhi este tema porque sempre passou em minha mente o quanto poderíamos detectar com mais certeza e menor tempo as doenças, prolongando assim a vida do paciente”, explicou.

De acordo com a estudante, a automatização pode ser feita com ajuda de um algoritmo, que alcançou precisão diagnóstica superior a 90%. “Com isso, se reduziria o tempo de identificação da situação, garantindo que o tratamento comece mais rapidamente, o que minimizaria o índice de mortalidade, e permitiria que o médico focasse mais na promoção do bem-estar do paciente”, completou.

Lara pretende cursar Engenharia Elétrica em alguma universidade dos Estados Unidos e procura realizar pesquisas para enriquecer seu currículo e ter mais chances nos processos seletivos do exterior.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS