X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Diversão com brincadeira da internet

| 16/06/2020 17:45 h | Atualizado em 16/06/2020, 18:13

Já imaginou em como seria sua aparência no gênero oposto? Uma brincadeira que viralizou esta semana nas redes sociais acaba com essa dúvida! A partir de uma foto, um aplicativo de celular faz a transformação mudando corte de cabelo, inserindo ou retirando barba e agregando traços característicos dos gêneros.

Tadeu Vieira
Tadeu Vieira |  Foto: Dayana Souza/AT
A brincadeira já tinha caído no gosto dos internautas no ano passado com variações para rejuvenescimento ou envelhecimento. Mas a permanência prolongada em casa está fazendo com que pessoas busquem distrações na internet e, por isso, o aplicativo voltou a viralizar.

A curiosidade em descobrir como seria a transformação atraiu anônimos e famosos. As apresentadoras Angélica e Maisa, a atriz Larissa Manoela, o cantor Kevinho e o ator Rafael Vitti são alguns dos que compartilharam seus resultados com os seguidores.

Há quem entrou na jogada na expectativa de encontrar semelhanças com membros da família. A surpresa foi se identificar com pessoas sem nenhum vínculo e aprovar o resultado da mudança de gênero.

O videomaker Tadeu Vieira, de 26 anos, participou da brincadeira e ficou surpreso com o resultado. Ele aproveitou o tempo em casa com família para fazer a transformação com todos.

Maiara Braun mostra  foto de como ela seria se fosse do sexo masculino
Maiara Braun mostra foto de como ela seria se fosse do sexo masculino |  Foto: Dayana Souza/AT
“O resultado me agradou. Inicialmente eu tentei me reconhecer, mas fiquei parecendo a irmã mais nova da cantora Selena Gomez”, comenta. “A minha avó e minha mãe ficaram bem parecidas com parentes. A minha avó ficou igual a um irmão dela.”

A comissária de voo Maiara Braun, de 20 anos, também participou da transformação e saiu se sentindo parecida com outro famoso. “Fiquei impressionada com a mudança e me achei superparecida com o (cantor britânico) Sam Smith”, conta.

Ela entrou na brincadeira ao ver os resultados dos amigos nas redes sociais e em aplicativos de mensagens.

“Meus amigos ficaram bem bonitos como mulheres. Fiquei curiosa para conferir como eu ficaria como homem”, opina a jovem que já havia feito a brincadeira para se ver mais velha. “Acredito que os aplicativos ressurgiram nesse momento que estamos mais em casa e não temos muito o que fazer além de usar a internet para nos entreter.”


ANTES E DEPOIS DOS FAMOSOS

Imagem ilustrativa da imagem Diversão com brincadeira da internet

Imagem ilustrativa da imagem Diversão com brincadeira da internet


É preciso cautela e atenção

Aplicativos captam dados e compartilham com empresas

Usuários devem ser cautelosos ao usar aplicativos gratuitos, incluindo o FaceApp. Segundo o especialista em tecnologia da informação Eduardo Pinheiro, eles captam e compartilham dados como localização e sites acessados.

Ele explica que a autorização para isso é solicitada nos termos de uso. Ao clicar em “eu concordo” com os termos, os usuários cedem os seus dados. “Os aplicativos gratuitos querem algo em troca e, hoje, o mais valioso é a informação”.

Ele recomenda baixar aplicativos apenas de lojas oficiais e desinstalar após uso, pois eles captam os dados mesmo estando inativos.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS