X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Crea-ES faz alerta sobre risco de desabamento de prédio em Jardim Camburi

| 05/03/2021 06:29 h | Atualizado em 05/03/2021, 07:02

Edifício Acapulco, bloco B, foi notificado pelo Crea-ES por obra irregular
Edifício Acapulco, bloco B, foi notificado pelo Crea-ES por obra irregular |  Foto: Divulgação/Crea-ES
Após receber uma denúncia anônima, fiscais e especialistas do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES) realizaram uma vistoria nesta quinta-feira (4) e verificaram irregularidades em uma obra clandestina no Edifício Acapulco B, no Condomínio Residencial Atlântica Ville, no bairro Jardim Camburi, em Vitória.

Segundo os profissionais do Conselho, o risco de colapso existe e é devido à escavação que está sendo realizada ao redor da base dos pilares de sustentação. "Tal atividade ilegal, irregular e indevida por parte do condomínio foi motivada pela necessidade do reforço estrutural e para tratamento do aço que a compõe", disse o Crea-ES em nota.

De acordo com o conselho, a obra não está sendo realizada por uma empresa especializada  e não possui engenheiro responsável. Além disso, está sendo executada sem nenhum tipo de escoramento, o que fortalece para o risco de queda.

"De prontidão os fiscais emitiram um auto de infração por exercício ilegal da profissão, sendo a obra enquadrada como irregular de acordo com o artigo 6A da Lei 5194 de 24 de dezembro de 1966. O Conselho acionará a defesa civil municipal e estadual para que as providências sejam tomadas".

Segundo o Crea-ES, durante essa semana os fiscais e especialistas em engenharia farão o monitoramento no local até que o caso seja resolvido. "A apuração para identificação dos responsáveis também já foi iniciada e será tratada de forma célere para que seja garantida a integridade física dos moradores do Condomínio Residencial Atlântica Ville", informou a nota enviada pela assessoria.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS