X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Bebê engasga com uva e entra em coma

| 22/10/2020 19:31 h | Atualizado em 22/10/2020, 20:24

O menino está em coma com ajuda de aparelhos e o estado de saúde é considerado grave pelos médicos
O menino está em coma com ajuda de aparelhos e o estado de saúde é considerado grave pelos médicos |  Foto: Arquivo Pessoal

Um bebê de 1 ano está internado há 12 dias na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) de um hospital em Sorocaba, em São Paulo, após engasgar com uma uva. O menino está em coma com ajuda de aparelhos e o estado de saúde é considerado grave pelos médicos

Ana Gabrieli de Souza, de 22 anos, mãe da criança, disse que o os médicos informaram que ele pode desenvolver sequelas graves por mais que o cérebro do bebê suporte e o quadro melhore.

"Quem deu a uva foi o meu marido. Ele estava na casa do pai dele e deu para o bebê, daí se distraiu e o bebê engoliu. Eu estava no meu serviço. Aí me ligaram para avisar e eu passei mal, não conseguia nem andar. As meninas do meu trabalho que me ajudaram a entrar no carro para eu ir até lá", contou a mãe.

A criança teve uma parada cardíaca e foi reanimada em uma unidade de Pronto Atendimento antes de ser levada para o hospital onde está internada.

"Eles [os médicos] reanimaram ele. Depois de 2 horas, ele foi encaminhado para o Gpaci e, quando chegou aqui, teve várias convulsões. Daí teve que tomar remédios fortes para o cérebro porque com a parada [cardíaca] faltou oxigênio no cérebro", disse Gabrieli.

Exames realizados no hospital para avaliar o cérebro do bebê apontaram que, a princípio, não havia atividade, mas um segundo resultado indicou que havia fluxo sanguíneo.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS