search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Capixaba desarma homem com fuzil, evita massacre em bar e vira herói na Itália

Notícias

Publicidade | Anuncie

Internacional

Capixaba desarma homem com fuzil, evita massacre em bar e vira herói na Itália


O lutador de MMA Caio Cesar Lima Capelli evitou um massacre em bar na província de Spotorno, na Itália (Foto: Acervo Pessoal)
O lutador de MMA Caio Cesar Lima Capelli evitou um massacre em bar na província de Spotorno, na Itália (Foto: Acervo Pessoal)

O capixaba Caio Cesar Lima Capelli, 31 anos, só queria se divertir com os amigos após o trabalho, mas acabou virando um herói na Itália ao evitar um atentado em um bar de Spotorno, na Itália, onde vive há 10 anos.

Ele, que nasceu em Vitória e luta MMA há seis anos, conseguiu imobilizar um homem, de 37 anos, que estava armado com um fuzil, na madrugada do último domingo (9). A notícia do ato heróico do capixaba estampou os jornais italianos, como o La Gazetta dello Sport, Savona News e La Stampa.

Em entrevista ao Tribuna Online, Caio contou que foi ao local para encontrar os amigos. “Assim que cheguei, me deparei com um homem que parecia estar sob efeitos de substâncias e gritava muito ‘cadê meu carro?’”, explicou o lutador.

O lutador capixaba Caio Cesar Lima Capelli conseguiu desarmar o criminoso (Foto: Acervo Pessoal)
O lutador capixaba Caio Cesar Lima Capelli conseguiu desarmar o criminoso (Foto: Acervo Pessoal)
Segundo Caio, o homem havia sido detido horas antes, suspeito de agredir duas pessoas em outro bar da cidade. O capixaba e um amigo decidiram beber na parte externa e conversar com o homem.

“Ele rasgou a camisa dizendo ‘vocês não me conhecem, mas daqui a pouco vocês irão me conhecer’. Ele, que já é conhecido das autoridades da cidade, saiu em direção ao veículo, um Volvo branco, falando que mataria todos. Eu entendi que ele voltaria e tive razão”, afirmou o lutador.

O caso estampou as páginas de diversos jornais na Itália, entre eles o La Stampa (Foto: Divulgação)
O caso estampou as páginas de diversos jornais na Itália, entre eles o La Stampa (Foto: Divulgação)
Cerca de 30 minutos depois, o homem voltou ao bar e quase bateu nos carros estacionados. Caio e o dono do estabelecimento pediram para as 40 pessoas que estavam ali saírem.

O capixaba foi para a rua novamente e viu o suspeito com um fuzil e ouviu o barulho da arma sendo carregada. O homem apontou o fuzil para o bar, mas Caio partiu para cima dele, conseguiu segurar a arma com uma mão e, com o outro braço, derrubou o acusado.

Pessoas que passavam pelo local seguraram o homem e o lutador de MMA pegou o fuzil e tirou os cartuchos imediatamente. Quando a polícia chegou, Caio entregou a arma.

Diante do ato heróico, o prefeito de Spotorno vai homenagear o capixaba nesta quinta-feira (13). “Ele vai me dar alguns prêmios e um deles é o de melhor cidadão do ano da cidade”, contou o lutador.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados