search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Câmara de Vila Velha aprova lei que considera igrejas essenciais

Notícias

Publicidade | Anuncie

Cidades

Câmara de Vila Velha aprova lei que considera igrejas essenciais


As atividades desenvolvidas em igrejas e templos religiosos são agora consideradas essenciais em Vila Velha. A lei foi aprovada pela Câmara Municipal em sessão on-line na segunda-feira (29).

Assim, fica proibido o fechamento desses locais. Em função da pandemia do coronavírus, as igrejas e templos devem garantir a distância de dois metros entre as pessoas e disponibilização de álcool em gel.

Outra medida que deve ser adotada é “organizar uma escala de revezamento de dia ou horário de trabalho entre os empregados, colaboradores, terceirizados e prestadores de serviço”.

Câmara de Vila Velha (Foto: Leonardo Duarte/AT)
Câmara de Vila Velha (Foto: Leonardo Duarte/AT)

O projeto de lei é de autoria do vereador Reginaldo Almeida (PSC).

Vitória

No dia 18, a Câmara de Vitória aprovou o projeto de lei que inclui as igrejas no rol das atividades essenciais.

O projeto, de autoria dos vereadores Leonil Dias, Davi Esmael e Wanderson Marinho, contou com uma emenda com regras para a realização de cultos presenciais durante a pandemia do novo coronavírus. Na prática, mesmo se for decretado lockdown, as igrejas poderão abrir e fazer celebrações.
 


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados