X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Brasil

SP tem o mês de maio mais quente dos últimos 20 anos


A cidade de São Paulo registrou, no mês passado, o maio mais quente desde 2004, quando se deu início a série histórica do Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE), órgão da Prefeitura responsável pelas mediações e ligado à Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (Siurb).

Em comunicado publicado na última segunda-feira, 3, o CGE não chega a informar qual era, até então, o maio mais quente dos últimos 20 anos. Mas, afirma que a capital paulista teve, em maio de 2024, uma média de temperatura máxima de 26,5°C. Nos dias 4 e 5 de maio, conforme o CGE, a cidade registrou 32,4°C, considerada a maior máxima média da série histórica de 20 anos para o mês.

"A presença de um forte bloqueio atmosférico, massa de ar seco e quente, gerou muitos dias com tempo estável, ensolarado e sem chuva significativa, o que foi determinante para que as temperaturas permanecessem muito acima do normal", explica o meteorologista do CGE da Prefeitura de São Paulo, Thomaz Garcia.

A média da máxima esperada para maio de 2024 era de 23,5°C, enquanto a média da mínima foi de 14,5°C. O mês registrou mínima média de 16,8°C e a média da máxima ficou em 26,5°C - ou seja, 2,3°C e 3°C respectivamente acima.

Sobre a umidade relativa do ar, a média em São Paulo no período ficou em 52,8% - com média de umidade em 25,8% no dia 5.

"Os menores índices de umidade, inferiores a 30%, acompanharam as temperaturas mais elevadas que foram registradas logo no início de maio. Após semanas sem chuvas significativas, as precipitações que aconteceram na última semana favoreceram a queda da temperatura, a elevação dos índices de umidade e a melhora significativa da qualidade do ar", completou Garcia.

Com relação às chuvas, para maio eram esperados 55,3mm e o registrado foi 46,8mm, ou seja, 15,4% abaixo do esperado. "A primeira quinzena de maio teve pouquíssima chuva, devido à presença de uma forte massa de ar seco. Somente entre os dias 24 e 27, a propagação de uma frente fria, e posteriormente uma área de baixa pressão, gerou chuva significativa, com até forte intensidade, o que minimizou momentaneamente a estiagem", explica o meteorologista do CGE da Prefeitura de São Paulo.

Foram dez dias com registro de chuva, sendo o 27/05 o mais chuvoso com 27,8mm. Historicamente, em maio são esperados 11 dias com chuva.

Para junho, o CGE afirma que são esperados 49,5mm de chuva, com mínima média em 13,4°C e máxima média em 22,9°C.

"Os modelos numéricos de previsão estendida indicam que o mês deve transcorrer com a neutralidade climática, ou seja, sem a interferência dos fenômenos El Niño e La Niña. As precipitações devem ficar abaixo da média e as temperaturas acima do esperado", conclui Garcia.

Os recordes de temperatura ocorridos em maio foram:

- Menor mínima média: 6,3°C dia 20/05/2022;

- Maior mínima média: 19,4°C em 12/05/2019;

- Menor mínima absoluta: 1°C dia 27/05/2020 em Engenheiro Marsilac, zona Sul;

- Maior mínima absoluta: 21,6°C em 04/05/2019 na Sé/CGE, Centro;

- Menor máxima média: 13°C dia 30/05/2007;

- Menor máxima absoluta: 11,5°C dias 30/05/2007 e 18/05/2022 em São Mateus, zona Leste e Perus, zona Norte;

- Maior máxima absoluta: 33,8°C dia 04/05/2018 no Campo Limpo, zona Sul;

Os recordes de temperatura ocorridos neste ano de 2024, conforme o monitoramento do CGE da Prefeitura de São Paulo, foram:

- Menor mínima média: 9,7°C dia 29/05/2024;

- Menor mínima absoluta: 4,3°C dia 30/05/2024 em Engenheiro Marsilac, zona Sul;

- Maior mínima média: 22,9°C dia 16/01/2024;

- Maior mínima absoluta: 25°C dia 16/03/2024 em Santo Amaro, zona Sul;

- Maior máxima média: 34,4°C dia 17/03/2024;

- Maior máxima absoluta: 36,4°C dia 09/01/2024 na Vila Maria/Guilherme, zona Norte e Mooca, zona Leste;

- Menor máxima média: 16,4°C dia 26/05/2024;

- Menor máxima absoluta: 15,3°C em Engenheiro Marsilac, zona Sul, dia 26/05/2024;

Os recordes de temperatura registrados na cidade, durante todos os meses, desde 2004 são:

- Menor mínima média: 3,2°C dia 30/07/2021;

- Menor mínima absoluta: -3°C dia 30/07/2021 em Parelheiros, zona Sul;

- Maior mínima média: 24,3°C dia 04/02/2014;

- Maior mínima absoluta: 26,4°C dia 02/10/2020 em São Miguel paulista, zona Leste;

- Maior máxima média: 37,3°C dia 02/10/2020;

- Maior máxima absoluta, aquela registrada em um único local: 40°C na Freguesia do Ó zona Norte, em 27/09/2004;

- Menor máxima média: 8,3°C dia 24/07/20113;

- Menor máxima absoluta: 7,6°C dia 24/07/2013 em Parelheiros, Zona Sul e Freguesia do Ó, zona Norte.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: