X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Brasil

Enel afirma ter restabelecido energia elétrica na República e Santa Cecília neste domingo


A Enel, empresa responsável pelo abastecimento de energia elétrica na cidade de São Paulo, informou neste domingo, 24, que restabeleceu o fornecimento na região central. Na semana passada, moradores de bairros como Santa Cecília e República relataram falta de energia elétrica no mais recente episódio de falta de abastecimento. Na sexta-feira, 22, o fornecimento havia atingido 97% dos moradores, segundo a empresa. Cerca de 600 clientes estavam sem luz.

"A Enel Distribuição São Paulo informa que restabeleceu o fornecimento de energia para os clientes que tiveram o serviço impactado pelo desligamento na região de Santa Cecília e República", informou a empresa na tarde deste domingo. Por precaução, a empresa informa ainda que manteve parte dos geradores na área.

Por causa do último apagão, o prefeito Ricardo Nunes (MDB) voltou a pedir a rescisão do contrato com a concessionária. Em ofício encaminhado à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a Prefeitura pede que a distribuidora seja responsabilizada pela falta de luz que afetou diversos bairros, três hospitais de grande porte e pelo menos 35 mil pessoas na semana passada.

Em outro ofício, também enviado nesta sexta, o prefeito reforçou ao Tribunal de Contas da União (TCU) a solicitação de medidas efetivas contra a concessionária.

O poder municipal pede ainda que possa fiscalizar o contrato de concessão. Por ser uma empresa sob concessão federal, a Enel é submetida às regras da Aneel, agência federal que faz a regulação e a fiscalização das concessionárias de energia.

A companhia informou que as "ocorrências iniciaram a partir de danos provocados em distintos circuitos subterrâneos, cuja reparação é complexa e demorada, dada as dificuldades e especificidades desse tipo de rede (galerias subterrâneas)".

Como relatar falta de luz em São Paulo?

O consumidor pode entrar em contato com a Central de Relacionamento da Enel São Paulo pelo 0800 72 72 120. Também pode falar com a central de emergência pelo 0800 72 72 196. Para pessoas com deficiência auditiva, o telefone é o 0800 77 28 626.

Salve também a "Elena" nos contatos (21 99601-9608), assim é possível conseguir realizar serviços. Ela serve para ajudar a registrar falta de luz, pedir 2ª via, consultar débitos, solicitar ressarcimento e também tirar dúvidas sobre outros serviços.

Ouvidoria da Enel São Paulo

Este é um canal de relacionamento para solucionar ou responder reclamações que a pessoa ainda não conseguiu resolver pelos outros canais de atendimento.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: