X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Brasil

'Cara Quadrada' é preso antes de fazer cirurgia plástica para mudar o rosto

Homem era procurado pela Justiça e pretendia fazer procedimento para enganar as autoridades



Imagem ilustrativa da imagem 'Cara Quadrada' é preso antes de fazer cirurgia plástica para mudar o rosto
Eduardo Miranda, o Cara Quadrada, foi preso antes de fazer cirurgia para mudar fisionomia |  Foto: Reprodução SBT News

Um suspeito de praticar roubos de cargas, conhecido pelo apelido de "Cara Quadrada", foi preso na última quinta-feira, 28, em Itaquaquecetuba (Grande São Paulo), momentos antes de fazer uma cirurgia plástica. A ocorrência foi divulgada nesta segunda-feira, dia 1º de abril, pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), de acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-SP).

Eduardo Miranda, de 43 anos, era procurado pela Justiça. O procedimento cirúrgico, segundo a polícia, seria feito pelo suspeito para "alterar a fisionomia" e continuar despistando as autoridades. Miranda negou. Disse que a cirurgia seria feita para fins estéticos e que não tentava mudar a aparência para enganar a Justiça.

A polícia descobriu, por meio de denúncia anônima, que Eduardo Miranda tinha o plano de realizar uma cirurgia em uma clínica no bairro Vila Virgínia, em Itaquaquecetuba. Antes de chegar ao local, o suspeito foi surpreendido e detido pelos agentes da 2ª Delegacia de Patrimônio, que efetuaram a prisão.

Aos policiais, ele admitiu ser um procurado da Justiça, disse que a cirurgia estava planejada para fins estéticos e se recusou a apresentar um documento de identificação. Ele foi encaminhado até a Delegacia de Polícia de Itaquaquecetuba, onde o caso foi registrado como captura de procurado.

"As informações revelaram o esquema de Cara Quadrada para continuar foragido: realizar procedimentos cirúrgicos para mudar o rosto", disse a policia, em nota.

"Cara Quadrada foi abordado quando caminhava até a clínica, localizada na Vila Virgínia. Ele admitiu ser procurado. Mas se negou a apresentar documento de identidade. Devidamente qualificado, foi preso", concluiu.

A defesa de Eduardo Miranda não foi localizada.

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: