search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Brasil empata com Reino Unido em doses aplicadas
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Brasil empata com Reino Unido em doses aplicadas

O Brasil ultrapassou a marca de 50,4 milhões de vacinas contra Covid aplicadas desde o início da campanha, em 17 de janeiro, e alcançou o Reino Unido, primeiro país do ocidente a iniciar a imunização contra a covid. Os números são da plataforma independente vacinabrasil.org.

A grande diferença é que os britânicos alcançaram 50,3 milhões na segunda-feira (3), 147 dias depois da aplicação da primeira dose, em 8 de dezembro, enquanto o Brasil precisou de apenas 108 dias para fazer o mesmo.

Primeira lá e cá
Em pouco mais de três meses, o Brasil anulou a desvantagem de 40 dias entre a vacinação de Margaret Keenan e a enfermeira Mônica Calazans.

Explicação
Em média, o Reino Unido aplicou 342,1 mil por dia enquanto, no Brasil, é como tivessem sido aplicadas 467 mil doses por dia: ritmo 36,4% maior.

Brasil no G-4
O Brasil ultrapassará os britânicos no total de doses aplicadas antes do fim de semana, tornando-se o 4º país que mais vacinou no mundo.

No mesmo compasso
Alemanha, França e Itália juntas têm população equivalente à brasileira e precisaram de 109 dias de campanha para superar 50 milhões de doses.

Manipulação
O conversador Luciano Huck citou a Nova Zelândia como exemplo de vacinação. Ele finge não saber que o Brasil já aplicou número de doses dez vezes superior à população de 4,9 milhões de neozelandeses.

Governo apura propaganda enganosa sobre “5G”
Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC), do Ministério da Justiça, confirmou que vai abrir averiguações preliminares contra as operadoras Vivo, Claro, Tim e Oi para “investigar supostas práticas abusivas na oferta antecipada de tecnologia 5G”.

A tecnologia ainda não existe no Brasil, mas essas empresas, como a Claro, alegam em publicidades que já têm “o primeiro 5G do Brasil”. Caso condenadas, as empresas poderão ter de pagar até R$ 11,5 milhões em multas.

Lorota averiguável
O DPDC confirma: operadoras oferecem velocidades que mal chegam à metade daquelas observadas no 5G: “Muito inferior à oficial”, diz.

Não pode enganar
O Conar, que regula a publicidade, já havia considerado propagandas do 5G possivelmente enganosas e notificou as operadoras.

Não é o verdadeiro
Operadoras terão de apresentar “evidências concretas”, diz o DPDC, que o produto anunciado entrega o mesmo nível “que o 5G verdadeiro”.

Voto impresso sai do papel
Apesar do que dizem ministros do TSE, e até em razão disso, já se instalou na Câmara a comissão para discutir a impressão de cédulas em papel na votação e apuração de eleições, plebiscitos e referendos.

Tucanos nervosos
As CPIs para investigar corrupção nos governos de São Paulo deixou a tucanada à beira de um ataque de nervos. A assessoria do presidente da Alesp agora trata grosseiramente quem busca notícias sobre o assunto.

Corujão da vacina
Os ministros Marcelo Queiroga (Saúde) e Braga Neto (Defesa) visitaram, ontem, o primeiro posto de vacinação noturno de Brasília. É um drive-thru que funciona em frente ao QG do Exército das 18h às 23h.

Terror dos coronalovers
A melhora nos números da vacinação traz junto a redução da média de casos e mortes por Covid no Brasil. Os casos foram de 77.129 para 58.053, queda de 24,8%. Ente os óbitos, que mais importa, a queda foi de 26,6%, caindo de 3.125 para 2.293 em menos de um mês.

Esporte desengajado
O Comitê Olímpico Internacional (COI) manteve proibição de protestos e mensagens políticas, após pesquisa entre 3.500 atletas revelar que a maioria é a favor da proibição. Slogans como “vidas negras importam” estão proibidos. O COI aprovou roupas com dizeres como “respeito” etc.

Visita espanhola
O presidente Jair Bolsonaro receberá amanhã a visita de Arancha González Laya, ministra de Assuntos Exteriores da Espanha. Ela se reunirá também com o chanceler Carlos França, para assinatura de atos.

Pandemia de faturamento
O laboratório Pfizer (EUA) anunciou que aumentou em 2021 para 73% a estimativa de receitas apenas com a vacina contra a Covid. Pulou de US$ 15 bilhões para US$ 26 bilhões, equivalente a R$ 141 bilhões.

Pensando bem…
…quem está sofrendo não precisa de comprovação científica, mas de comprovação na prática.

Poder sem pudor

A entrevista
A imprensa do Ceará não falava em outra coisa. Nos anos 1980, faltando três meses para acabar o governo de Manoel de Castro, ele já tinha assinado mais de 15 mil nomeações.

O repórter Nelson Faheina foi pautado pela TV Verdes Mares para repercutir o escândalo. “Governador, é verdade que o senhor nomeou 15 mil pessoas?”

Castro reagiu: “É mentira. Nomeei trinta mil. São pessoas humildes e, como elas, vou ainda nomear muito mais. E não me pergunte mais nada. Não admito ninguém me cutucar com vara curta.” E foi embora.

Colaboram: André Brito e Tiago Vasconcelos

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Humilhações em CPI são comparadas até a “tortura”

O tratamento agressivo, debochado e humilhante a depoentes da CPI da Pandemia, além da demora excessiva dos interrogatórios, com as quase dez horas impostas ao ministro Marcelo Queiroga (Saúde), são …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Senado tem chance de destravar as exportações

Com 40 anos de atraso, o Senado pode aprovar a legislação que cria as Zonas de Processamento de Exportações (ZPE), com objetivo de isentar de impostos empresas exportadoras que se instalem em certas …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasil já vacinou quase 40% da população adulta

O País ultrapassou esta semana a marca de 62 milhões de brasileiros que receberam ao menos uma dose de vacina contra a Covid-19. O número representa 38,8% de toda a população adulta, que são cerca de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Apagão vem aí, mas Aneel luta contra geração solar

Seria inacreditável se não ocorresse no setor público brasileiro: o País enfrenta sua mais grave crise de energia, há risco iminente de apagão, mas a “agência reguladora” Aneel se junta ao que há de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasil tem recorde de vacinados e média “milionária”

A vacinação segue em franca aceleração e a campanha nacional bateu esta semana recorde diário de pessoas vacinadas pela primeira vez. Segundo o portal independente vacinabrasil.org, o Brasil …


Exclusivo
Cláudio Humberto

TCU avalia licitação para compra de “grampo” em ministério

Auditores pediram ao ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Bruno Dantas medida cautelar para suspender licitação do Ministério da Justiça da compra do sistema israelense Pegasus, que …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Com Bolsonaro, Patriota deve mudar para Aliança

A filiação do presidente Jair Bolsonaro ao Patriota, ainda a ser efetivada, parte da garantia de que ele terá o controle do partido, do qual seria presidente de honra, e a mudança de denominação. O …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Dez anos do ‘Brasil sem Miséria’ e miséria persiste

Há 10 anos, em junho de 2011, poucos meses após assumir o cargo de presidente da República, a petista Dilma Rousseff prometeu acabar com a pobreza extrema com o lançamento do programa “Brasil sem …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasil vacinou mais que a soma de 15 países europeus

Ao ultrapassar as 78 milhões de vacinas contra a Covid-19 aplicadas desde 17 de janeiro, o Brasil administrou uma quantidade de imunizantes superior à soma de 15 países da Europa. Esse desempenho …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasil pode bater 100 milhões de doses este mês

O Brasil aplicou pouco mais de 78 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 desde o início da campanha nacional de imunização e pode superar a importante, e psicológica, marca de 100 milhões de …