Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Plenário

Plenário

Colunista

Kleber Amorim

Foletto desiste e bagunça Colatina

| 13/06/2020, 13:27 13:27 h | Atualizado em 13/06/2020, 13:30

O secretário estadual da Agricultura, Paulo Foletto (PSB), que em abril estava animado para disputar a Prefeitura de Colatina, desistiu. Dessa forma, foi desfeito o grupo que orbitava em torno do seu nome e era capitaneado pelos deputados Josias da Vitória (federal) e Renzo Vasconcelos (estadual).

O PSB conta agora com a pré-candidatura do vereador Renann Bragatto, que é oposição à gestão do prefeito Sergio Meneguelli (Republicanos). O prefeito ainda não anunciou se é candidato à reeleição, mas, nos bastidores, já estaria preparando sua chapa com um nome do PSDB para ocupar a vice.

Fora do eixo situação-oposição, correm por fora o PM da reserva Capitão Aloir (Avante), o economista Sebastião Demuner (PSD), o ex-deputado Genivaldo Lievore (PT) e o professor Luciano Merlo (Patriota). Todos confirmaram que são pré-candidatos. O PM Capitão Balbino também é cotado, mas não confirmou se irá disputar, já que tem aspirações na PM.

“Família pesou”

Questionado o motivo de ter desistido da pré-candidatura a prefeito de Colatina, o secretário estadual da Agricultura, Paulo Foletto, disse que a opinião da família pesou. “Eu ainda precisava passar pelo crivo da família, conversar com a esposa, filhos, pais, irmãos e o semblante familiar pesou para eu desistir. Mas o PSB terá candidato”, disse Foletto.

Dedinho da Rose

Com requerimento da senadora Rose de Freitas e pressão dos parlamentares, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, anunciou ontem a devolução ao governo federal da MP 979/2020. A medida dá poderes ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, de nomear reitores e vice de universidades federais sem consulta à comunidade acadêmica.

Fizeram as pazes?

O presidente da Assembleia, Erick Musso, e o prefeito de Aracruz, Jones Cavaglieri, que estiveram em lados opostos na eleição de 2016, agora estão somando esforços para colocar em funcionamento o Hospital da Orla, em Barra do Riacho. Eles se reuniram na quinta-feira. Erick articula com o governo a ida de 10 respiradores para a unidade.

Mais 1 capítulo da minissérie Governo x MPF

O TRF-2 derrubou, ontem, a liminar da Vara Federal de Cachoeiro que, a pedido do Ministério Público Federal (MPF), tinha decidido pela diferenciação na divulgação dos dados sobre ocupação de leitos de UTI para o tratamento de Covid-19. No sábado passado, o Tribunal de Justiça Estadual também concedeu decisão favorável ao Estado contra representações do MPF.

Líder do prefeito chama colegas de oportunistas

O vereador Fábio Duarte, líder do prefeito na Câmara da Serra, gravou um vídeo em que chama 12 parlamentares do município de oportunistas, por terem votado um projeto que cria auxílio de R$ 500 por três meses para 200 mil pessoas. “Oportunistas pregando o 'quanto pior, melhor' colocaram um projeto inconstitucional. Não podemos usar de oportunismo e politicagem. Quanto a Câmara da Serra irá disponibilizar para o auxílio?”, questionou.

Galeria

Bate e rebate

O presidente da Câmara da Serra, Rodrigo Caldeira, também gravou um vídeo dizendo que o projeto do auxílio de R$ 500 é constitucional. “Tem vereador fazendo live, vídeo... Se continuarem falando mentiras para população da Serra, vou nominá-los”.

Em prol da categoria

A deputada Janete de Sá, que é enfermeira, protocolou projeto que regulamenta os espaços de convivência e descanso para os profissionais de Enfermagem em hospitais públicos e privados do Estado.

EUA x Brasil

Enquanto o chefe das Forças Armadas dos EUA, Mark Milley, pede desculpas por ter participado de ato político ao lado do presidente Trump, o secretário de governo do Bolsonaro, General Ramos, manda recado para oposição: “Não estica a corda!”.

Eleições municipais

Serão mesmo neste ano?

MATÉRIAS RELACIONADAS