Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Plenário

Plenário

Colunista

Kleber Amorim

Estados querem protagonismo

| 13/08/2021, 07:54 07:54 h | Atualizado em 13/08/2021, 09:31

A visita do governador de Minas Gerais, Romeu Zema, ao governador Renato Casagrande celebrou uma parceria entre os dois estados por um novo acordo envolvendo o desastre de Mariana. Os estados querem participar de forma direta e ativa e também serem compensados pelos danos socioeconômicos causados pelo rompimento da barragem em 2015.

A proposta é de mudar o modelo de governança para agilizar as reparações, hoje comandadas pela Fundação Renova.

“Queremos uma nova repactuação diretamente com os estados, que podem fazer o trabalho de reparação com mais agilidade”, disse Casagrande. “A Fundação Renova nunca considerou o impacto socioeconômico. Queremos que os estados também sejam reparados”, disse Zema, que não citou valores, mas há a especulação de que seria em torno de R$ 100 bilhões.

Se a proposta porém for de repasses diretos aos governos, ela deve encontrar resistência. Nos bastidores das empresas, a retirada da Renova não foi colocada. E nem repasses diretos.

Nome novo na praça
O administrador Luiz Fabiano Saragiotto é o novo diretor de Reestruturação da Samarco e vai atuar na renegociação da dívida e na reestruturação financeira da empresa. Saragiotto é especializado em negociação de crédito, investimentos e finanças corporativas. Tem 25 anos de experiência e já atuou no Bank of America Merrill Lynch e no Deutsche Bank.

Foto emblemática
O deputado Alexandre Xambinho (PL) se reuniu nesta semana com o secretário de Governo, Gilson Daniel (Podemos), e a foto do encontro foi postada em rede social, o que foi suficiente para gerar especulações de que Xambinho estaria indo para o Podemos. Os dois negam. “Não conversamos de partido. Falamos de investimentos na Serra”, disse o deputado.

A fome bateu

Imagem ilustrativa da imagem Estados querem protagonismo

Casagrande marcou a coletiva de imprensa sobre a proposta de um novo acordo de compensação com Minas, no âmbito da tragédia de Mariana, às 11h30. Com um pequeno atraso, começou bem perto da hora do almoço. Deve ter sido por isso que ele já iniciou dizendo ser uma parceria do pão de queijo com a moqueca capixaba.

Residência Oficial vai virar parque
O governo do Estado lança amanhã o projeto do “Parque Cultural – Casa do Governador” que será construído na área externa da Residência Oficial da Praia da Costa. O parque vai contar com atrações ambientais, históricas e artísticas e um anfiteatro para eventos. Também será lançado o edital das esculturas que serão expostas no parque. A chamada pública será aberta pela Secult.

Governadores lamentam volta de coligações
Os governadores Renato Casagrande e Romeu Zema (Minas) lamentaram, ontem, a aprovação em 1º turno na Câmara Federal da volta das coligações partidárias nas eleições proporcionais. “Lamento a alteração, precisamos reduzir a quantidade de partidos políticos. Lamento esse retrocesso”, disse Zema. “É uma pena que uma legislação votada há poucos anos, que nem testamos numa eleição geral, já tenha a possibilidade de mudança”, disse Casagrande.

Copo meio cheio
O governador Casagrande disse que a parte boa da votação da Câmara Federal foi a rejeição do Distritão.

Destino final
A Prefeitura de Vitória assina hoje, às 14h, acordo de cooperação com a Associação Brasileira de Reciclagem de Eletroeletrônicos e Eletrodomésticos (ABREE) para implantação da logística reversa de produtos que são descartados na capital.

“Dialogando com líderes”
O vereador de Vitória Leandro Piquet iniciou um projeto para se reunir com líderes de diversos segmentos para ouvir suas demandas.

Aliviado
Tem vereador, que disputará a Ales, aliviado com a volta da coligação.

Sexta-feira 13 de agosto...
Tem mais fantasma para se levantar na política nesta semana?

MATÉRIAS RELACIONADAS