Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Plenário

Plenário

Colunista

Kleber Amorim

Bruno Lamas vai tirar licença para se dedicar à campanha

| 21/10/2020, 14:39 14:39 h | Atualizado em 21/10/2020, 14:43

O deputado estadual Bruno Lamas (PSB), candidato a prefeito da Serra, vai tirar licença não remunerada do mandato para se dedicar à campanha. A princípio, a licença é de 19 dias, a contar da próxima segunda-feira até a eleição de 1º turno, 15 de novembro.

O pedido de licença já foi protocolado na Assembleia e não será chamado o suplente – o 1º suplente é o ex-deputado Eustáquio de Freitas – porque a licença é inferior a 120 dias.

“Preciso manter a coerência e a transparência com o bom uso dos recursos públicos. Ao tirar a licença, a Assembleia economiza com parte do pagamento do meu salário, não faço uso do carro oficial e da gasolina”, disse o deputado.

Por se tratar de uma licença sem remuneração – o salário de um deputado é de R$ 25.322,25 –, Bruno poderá voltar ao cargo em caso de urgência, como uma calamidade ou requisição do governador, ou falta de quórum para uma votação.

MATÉRIAS RELACIONADAS