Login

Imagem ilustrativa da capa de fundo do colunista Eduardo Pinheiro

Mundo Digital

Imagem do colunista Eduardo Pinheiro

Eduardo Pinheiro

Como identificar os melhores sites para o comércio eletrônico

22/08/2021 17:49:47 min. de leitura

Com mais de 300 milhões de compras online realizadas em 2020, o comércio eletrônico explodiu no ano passado ajudado pelo início da pandemia do novo coronavírus. Em 2021, a tendência de aumento vem sendo confirmada com os números referentes ao primeiro trimestre do ano, onde foram registradas vendas que acumularam o valor de R$ 35,2 bilhões. Para este ano, até dezembro, são estimados negócios online que totalizarão R$ 180 bilhões.

Com o aumento das vendas online, crescem também os golpes praticados por milhares de criminosos que atuam em todas as regiões do País.

Só no Procon de São Paulo, em 2020 foram registradas 301.672 reclamações de fraudes praticadas no comércio eletrônico contra a população do Estado.

Diante desse cenário de disparada tanto das compras online quanto dos golpes no comércio eletrônico não dá para pensar em realizar compras pela internet sem verificar a reputação da loja online.

Se for o caso de uma loja pouco conhecida ou de uma loja com ofertas bem mais vantajosas que as da concorrência é bom desconfiar e procurar os canais de reclamações que são encontrados na própria internet.

O primeiro canal é o site do Procon-SP, onde o consumidor pode checar uma lista com mais de 100 sites com alto índice de reclamações. É possível ainda verificar quem é o responsável pelo site e a data que ele começou a operar.

O segundo canal de verificação de reputação dos sites de comércio eletrônico é o portal Reclame Aqui. Nesse portal é possível identificar quais são as empresas com melhor índice de solução ou as organizações mais reclamadas dos últimos 30 dias ou até mesmo dos últimos seis meses.

A partir da avaliação do consumidor para cada site é construído o ranking de avaliação e, assim, é possível analisar como está a situação das empresas no portal, qual sua colocação e descobrir como está a reputação do site.

O terceiro e último canal de verificação da reputação de um site de comércio eletrônico é o portal de pesquisa Google ou qualquer outro site de buscas de assuntos na internet.

Em pesquisas realizadas nesses sites de busca será possível identificar reclamações de consumidores que compraram e tiveram problemas relacionados a fraudes ou as piores práticas de comércio pela internet.

Não é mais novidade para ninguém que na internet encontramos as melhores oportunidades para compras de produtos pelos melhores preços, porém poucos se atentam para o fato de que devemos utilizar a própria internet para fazer uma verificação prévia de um vendedor ou de uma loja virtual que esteja anunciando o produto desejado.

As grandes lojas que são conhecidas de todos, e possuem credibilidade diante do grande público, sempre serão a opção mais segura, embora nem sempre apresentem os melhores preços.

Todavia, em tempos de grana curta e golpes online em expansão, a opção mais conservadora será sempre o melhor caminho para que o consumidor não passe raiva em suas compras pela Web.