Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Fonte Grande

Fonte Grande

Colunista

Luiz Trevisan

Quando não é fogo, tem roçado na mata

| 18/10/2020, 07:47 07:47 h | Atualizado em 18/10/2020, 07:53

Dentro de seis meses, agora utilizando imagens de satélite, será divulgado o novo mapeamento da cobertura de mata nativa do Espírito Santo. Técnicos da área ressaltam a importância do novo banco de dados também para o planejamento urbano das prefeituras. Em 2015, a Mata Atlântica ocupava 15,9% do total do uso do solo no Estado (cerca de 773 mil hectares), enquanto 6,2% da cobertura eram constituídas por matas em regeneração, segundo dados fotográficos do período a serem utilizados nas confrontações.

Bairro Ilha do Frade, em Vitória
Bairro Ilha do Frade, em Vitória |  Foto: Leone Iglesias / AT

A ILHA CARTÃO-POSTAL

Exemplo de loteamento de alto padrão, a Ilha do Frade, em Vitória, é tema de livro da jornalista e escritora Manoela Ferrari, “Paraíso Capixaba”, em que revela curiosidades, como a expressiva fatia do PIB estadual entre seus moradores, e ser o terceiro lugar do Estado mais visitado por turistas, só perdendo para o Convento da Penha e a Fábrica de Chocolates Garoto. Aliando beleza natural, arquitetura sofisticada e segurança exclusiva, a ilha recebe noivos, casais e modelos em busca de belas imagens. E com o vento Nordeste predominando, não tem mosquito. Alguns moradores só se queixam do pó de minério.

Verde que te quero

Dias atrás, em Celina (distrito de Alegre), a Polícia Ambiental flagrou lavrador, sem autorização, abatendo 16 mil metros quadrados de vegetação nativa da Mata Atlântica. Era mais um plano de roçado. Isso quando não é o fogo lambendo nem sempre por acaso.

Ranking da marvada

Indicadores do Ministério da Agricultura apontam que o Espírito Santo tem registrado 62 produtores de cachaça, sendo destaque São Roque do Canaã, com dez alambiques. Minas Gerais, que reúne 21 produtores somente no famoso polo de Salinas, lidera o ranking nacional da “marvada”, seguido de São Paulo. Nosso Estado vem em terceiro. Não estão computados os incontáveis clandestinos e os que produzem para consumo doméstico.

Destaques na garrafa

Castelo, Cachoeiro e Linhares são outros municípios produtores de cachaça, algumas do tipo exportação. Em Linhares, o médico Adão Célia comanda alambique que hoje produz marca premiada entre as melhores do País.

Olha o nível...

Horário da propaganda eleitoral de candidatos às eleições municipais expõe a baixa escolaridade de muitos. Justiça Eleitoral registra que maioria de candidatos capixabas tem pouca formação e minoria possui curso superior. Daí, o cargo eletivo vira tábua de salvação, e o eleitorado depois paga a conta. Ao menos até a legislação exigir qualificação mínima.

...Tome comédia

Nas redes sociais, pululam memes. Num deles, a deputada Janete de Sá apresenta como “solução” para um município do interior o candidato “Todo feio”. Em Vila Velha, concorrente adaptou clipe com legenda onde Michael Jackson “sugere” seu nome para vereador.

Alça de mira

Senadora Rose de Freitas colocou na mira o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, por “inaptidão e ferir de morte biomas como Amazônia e Pantanal”, disparou. E sobrou munição contra o presidente da Fundação Palmares, Sergio Camargo, estranho caso de negro que nega escravidão.

Uso da cueca

E pensar que já houve um tempo em que o pior flagra era o do batom na cueca. Agora carrega dinheiro que, claro, precisa ser lavado…

CURTA

EDITAIS À VISTA Os editais 2020 da Secretaria Estadual de Cultura (Secult), com orçamento de R$ 19 milhões, serão lançados no próximo mês.
REABERTURA DO MAES Reestruturado, o Museu de Arte do Espírito Santo (MAES) reabre no próximo dia 10 com a exposição “Vix - Estórias Capixabas”.
BOTA O ÍNDIO NO LUGAR... Restaurada, a estátua do índio Arariboia segue guardada no Saldanha da Gama à espera de data para ser recolocada na Avenida Beira-Mar de Vitória.
ENSINO REMOTO A Ufes mantém aula remota até fevereiro de 2021. Depois, conforme o “novo normal”, tendência é adotar sistema híbrido.
FILOSOFIA NA PANDEMIA “Tente entender em que ano estamos...” Luiz Melodia, em Pérola Negra.

MATÉRIAS RELACIONADAS