Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

AT em Família

AT em Família

Colunista

Metas de A a Z para ser feliz em 2020

| 06/12/2019, 08:55 08:55 h | Atualizado em 06/12/2019, 14:38

Por Regina Trindade

Um novo ano está se aproximando e com ele as expectativas se renovam e as pessoas procuram se organizar para melhorar alguns aspectos da vida.

As famosas listas de metas começam a ser escritas, e o psicanalista, coach e analista comportamental Beto Freitas ajudou o AT em Família a escolher algumas prioridades para ser mais feliz em 2020.

De acordo com o profissional, as metas devem ser específicas, positivas, desafiadoras, equilibradas e temporais, ou seja, com prazo para serem cumpridas.

“Não existe fórmula mágica para realizar o que tanto deseja. Somente o desejo de mudança não faz as coisas acontecerem. Para colher é preciso plantar”.

A psicóloga Flávia Vaz compartilha a opinião, mas destaca que as metas devem ser feitas sem pressão.

“O fundamental é não desistir, mesmo que seja necessário rever a forma e o tempo em que você chegará ao destino final. Se não conseguir realizar do 'modo perfeito' e nem no 'tempo ideal', reorganize seus planos e retome sua caminhada, como for possível”.

AS METAS

Aumentar minha convicção e minha fé. Conecte-se à sua espiritualidade, independente de religião. Tenha uma prática diária de 10 minutos para se ligar com o que você acredita.

Brincar 1 hora por dia com meus filhos. Fique longe de celulares e outras telas. A ideia é resgatar a brincadeira, o lúdico. É importante para estabelecer laços mais estreitos com os filhos.

Comunicar amor em meus atos, palavras e ações. Em tudo o que fizer, coloque amor. Ele é transformador. Tenha amor pela família, pelo trabalho, pelos amigos e por suas conquistas.

Dormir 8 horas por noite. Durante o sono, além de descansar, o nosso corpo trabalha para manter o equilíbrio do sistema imunológico, endócrino, neurológico e de diversas outras funções.

Eliminar 10 kg em 6 meses. De acordo com especialistas, 6 meses é um bom prazo para a perda de peso. Mas não se sinta pressionado e faça no seu tempo.

Fazer os deveres de casa da escola com os filhos. Esteja disponível para tirar dúvidas e orientar. Se não souber algo, faça a pesquisa junto com os seus filhos. Você é um modelo para eles.

Gerar uma renda extra para a família. Pode ser vendendo algo de comer ou oferecendo algum serviço. O importante é usar a criatividade para conseguir uma segunda fonte de renda.

Homenagear meu pai e minha mãe. Estabelecer conexão com os pais, pois eles são as suas origens. Vale levar para um almoço ou um passeio para mostrar o quanto eles são importantes.

Investir R$ 200 por mês em algum curso para melhoria da vida pessoal e/ou profissional. Se você tiver condições financeiras, escolha um curso que sempre teve vontade de fazer. Pode ser de informática, culinária ou o que a imaginação mandar!

Jantar fora com meu cônjuge uma vez por mês. Momentos a dois, sem os filhos, são essenciais para manter a chama do relacionamento acesa. O jantar não precisa ser em um restaurante caro e badalado. Basta que seja especial.

Ler mais é uma das metas da universitária Rayza Fontes
Ler mais é uma das metas da universitária Rayza Fontes |  Foto: Kadidja Fernandes/ AT
Ler mais. Essa é uma das metas da universitária Rayza Fontes, 28. Ela já tem o hábito da leitura bem consolidado, mas quer ler ainda mais.

“Para 2020 estou pensando em uma releitura de algum livro para ver como a obra vai me marcar anos depois”, disse.

Rayza leu mais de 60 livros em 2019. “O segredo é começar com 15 minutos por dia. Assim a pessoa vai adquirindo o hábito sem perceber”.

Melhorar minha imagem pessoal. Busque se conhecer, saber quais são seus pontos fortes e o que pode melhorar. Não se cobre tanto. Trabalhe sua autoestima e tente ter uma atitude positiva.

Nortear minha vida para estabelecer uma rotina diária. A rotina é essencial para a organização. Para deixá-la mais interessante, acrescente atividades que trazem prazer, como acompanhar uma série ou cozinhar.

Olhar nos olhos das pessoas em uma conversa. Os olhos são a janela da alma, por isso o contato visual é importante. Com o olhar você mostra para a pessoa que está disposto e aberto ao diálogo, e que suas intenções são boas.

Perdoar e eliminar mágoas do passado. O que ficou no passado é história. Não faz bem guardar mágoas. Perdoar é terapêutico e faz a vida fluir melhor. Não tenha desafetos e, se quiser, se aproxime de quem se afastou.

Quitar dívidas em 6 meses. Selecione as dívidas que mais impactam no cotidiano, como luz, água e celular. Não acumule dívidas nem faça novas. Pagar as dívidas aperta o bolso, mas alivia a alma.

Resolver um grande problema pessoal com coragem. Pedir perdão, assumir um erro e reconhecer responsabilidades. É tempo de assumir as rédeas da sua vida, sem medo.

Surpresa de amor para alguém especial. Os dias são corridos e a rotina pode afetar a relação. Tire um tempo para surpreender o parceiro. Uma rosa faz a diferença!

Trabalhar com foco, concentração e diligência para alcançar minha promoção. Fuja das fofocas de corredor e dos comentários dos outros. Foque em evoluir e ganhar experiência.

Unir a família em volta da mesa todo final de semana. Esse hábito ajuda a resgatar a comunicação e aumentar os elos familiares, criando boas lembranças.

Voluntariar-se em alguma causa social. Participar de um projeto social pode ser muito mais gratificante, independente da causa.

X da questão é ter inteligência emocional para saber usar as habilidades e os recursos necessários para tirar as metas do papel. Com inteligência emocional, a pessoa consegue lidar melhor com as emoções, as frustrações e as dificuldades que possam aparecer no caminho.

Zerar todas as metas estabelecidas. É uma delícia chegar ao final do ano e ter conseguido alcançar todas as metas. Se algo ficou para trás, sempre é tempo para recomeçar.

MATÉRIAS RELACIONADAS