search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Bebês prematuros dão a volta por cima
AT em Família

Bebês prematuros dão a volta por cima

Alex Fagundes mostra a filha Vitória, que nasceu aos seis meses (destaque) e hoje tem 7 anos. Caso comoveu o País (Foto: Divulgação / Perinatal)
Alex Fagundes mostra a filha Vitória, que nasceu aos seis meses (destaque) e hoje tem 7 anos. Caso comoveu o País (Foto: Divulgação / Perinatal)

Expulsos do conforto do útero antes da hora, bebês prematuros — aqueles que nascem antes da 37ª semana de gestação — mostram uma força que nem todos os adultos têm. Pesando menos ou pouco mais de um quilo, eles ficam entubados, têm seus corpinhos furados com seringas e alguns ainda precisam se submeter a cirurgias complexas.

Embora nem todos os casos tenham um final feliz, muitos prematuros dão a volta por cima. Tanto que a Perinatal Vitória — que este ano completa 30 anos de história com um saldo de 40 mil bebês assistidos no Estado, entre prematuros e sadios — vive repleta de vitórias e cheia de relatos de sobrevivência.

Afinal, quem não se lembra da “Foquinha Baby” que veio ao mundo aos seis meses de gestação, após a mãe, a professora de Educação Física Priscila Charpinel, enfrentar pela segunda vez um câncer no cérebro? Ela morreu aos 30 anos, três dias após dar à luz. A história comoveu o Brasil.

A menina, que veio ao mundo em 2012 com 37 cm e pesando 1,16 kg, ficou internada na Perinatal Vitória por 60 dias. Foi então que o pai da menina, o designer gráfico Alex Fagundes, 42 anos, assumiu o papel de pai e mãe, e passou a chamar a filha de Foquinha Baby.

“Minha filha é a realização de um sonho. Vitória hoje está com 7 anos e é tímida. Não larga o tablet. Já sabe ler e escrever. É uma criança perfeita”, conta Fagundes.

Especializada em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal e pediátrica, a clínica cuida em média de 40 bebês por mês, oferecendo tecnologia de ponta administrada por profissionais qualificados. Outro destaque é o cuidado no acolhimento das mães.

De acordo com a médica Geisa Barros, doutora em Pediatria e diretora da Perinatal Vitória, o principal diferencial da clínica é a equipe altamente treinada para lidar com delicadeza em diversas situações.

“Em 30 anos aconteceram melhorias tecnológicas em equipamentos, como os respiradores, medicamentos e nutrição. Mas ter uma equipe preparada e atenta aos mínimos sinais do prematuro é extremamente importante, porque os processos são muito delicados. É um paciente com a imunidade em desenvolvimento”, explica Geisa Barros.

O menor bebê assistido pela clínica foi uma menina nascida em 2016 com 460 gramas e 30 centímetros.


Família tem final feliz

Ronam e Patrícia Prezotti Bonfim, ao lado dos filhos Bernardo, Luísa e Guilherme (Foto: Acervo Pessoal)
Ronam e Patrícia Prezotti Bonfim, ao lado dos filhos Bernardo, Luísa e Guilherme (Foto: Acervo Pessoal)

Contar com orientação antes dos bebês nascerem foi importante para a administradora Patrícia Prezotti Bonfim que deu à luz trigêmeos em 2004. Bernardo, Luísa e Guilherme nasceram no oitavo mês de gestação e ficaram internados na Perinatal Vitória por três dias.

Hoje eles têm 15 anos e pensam em fazer faculdade de Medicina, seguindo a carreira do pai, Ronan Bonfim, que é cardiologista.


SAIBA MAIS
Perinatal Vitória


  • Principais serviços
    • UTI neonatal e pediátrica, assistência na sala de parto, consulta pediátrica pré-natal de alto risco voltada para gestantes que poderão ter bebês prematuros, gêmeos ou com alguma má-formação.
    • A clínica também tem programa de Residência Médica em Neonatologia.
  • Corpo clínico
    • Equipe médica e de enfermagem altamente qualificada e treinada, moldada em valores como humanização, cuidado e gentileza com as famílias que são atendidas.
  • Endereço
    • Localizada na Serra, nas dependências do Vitória Apart Hospital, a clínica tem 23 leitos, sendo 18 para recém-nascidos e cinco pediátricos. Ela atende planos de saúde.
  • Telefone: (27) 3201-5555
  • Horário de funcionamento: Aberto 24 horas

Fonte: Perinatal Vitória.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados