search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Barroso pede dados sobre eleição na Coreia
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Barroso pede dados sobre eleição na Coreia

O ministro Luís Roberto Barroso, prestes a assumir a presidência do Tribunal Superior Eleitoral, pediu ao futuro assessor internacional do Supremo, José Gilberto Scandiucci, informações sobre como outros países têm lidado com suas eleições durante a pandemia.

Ele tem especial interesse no exemplo da Coreia do Sul. O país asiático é um “case” de sucesso no enfrentamento da Covid-19 e realizou eleições com um protocolo sanitário: determinou o uso de máscaras, luvas e distanciamento. A palavra final sobre as eleições, porém, será do Congresso.

Vai rolar. O TSE já instituiu um grupo de trabalho para analisar o impacto da pandemia. No seu último relatório, divulgado semana passada, a conclusão foi: a Justiça Eleitoral, até o presente momento, tem condições materiais para a implementação das eleições no corrente ano.

Parceiros. Bolsonaro não está sozinho. Na forte crença de que a cloroquina é a solução, tem a companhia de Nicolás Maduro, o ditador da Venezuela. Na pregação contra o isolamento social, repete Ortega, presidente da Nicarágua.

Saudade. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), deve discutir com seus pares a possibilidade de retomada dos trabalhos presenciais da Casa apenas no fim deste mês. Havia expectativa de que os senadores pudessem voltar a Brasília já em junho, mas não deverá rolar.

Sem refresco. Na contramão do governo Bolsonaro, o deputado estadual Heni Ozi Cukier (Novo-SP) protocolou projeto que endurece penas para o agente público que cometer ato ilícito ou de desvio durante o período de pandemia ou em estado de calamidade.

Ação. O Ministério da Justiça e Segurança Pública realizou até agora na gestão Bolsonaro 26 leilões, em nove Estados, em que foram vendidos mais de mil bens apreendidos de traficantes de drogas. No total, foram arrecadados cerca de R$ 9,5 milhões.

Ação II. Carros, motos, caminhões e embarcações foram os itens que mais atraíram os compradores. Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul arrecadaram, juntos, R$ 4,6 milhões.

CLICK. Mau gosto sem limites na manifestação bolsonarista: um caixão foi levantado em Brasília, no final de semana em que o País atingiu 16 mil mortes por Covid-19.

Bem... Na famosa reunião ministerial de 22 de abril, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, afirmou, segundo relatos, que a pandemia de Covid-19 é uma “histeria” provocada pela imprensa e disse que, se pegar a doença, vai tomar um litro de hidroxicloroquina.

...na fita... A fala foi vista como mais uma demonstração de alinhamento dele com o presidente Jair Bolsonaro, o que aumentou seu passe na bolsa de apostas de quem pode assumir a Economia caso Paulo Guedes deixe o cargo.

...do chefe. O presidente da Caixa conta ainda com a simpatia da ala militar do governo. Os generais palacianos nunca caíram de amores pela política liberal de Guedes. Contudo, o mercado financeiro vê com ressalvas a possibilidade de Guimarães assumir o Ministério da Economia.

Metrô lotado, não. Deu Alexandre Baldy no embate com Bruno Covas em torno da ampliação do rodízio na capital paulista. O secretário de João Doria sabia o que estava falando.

Pronto, falei!

Sobre as investigações contra o Presidente

"Das investigações instauradas pelo STF contra o presidente Jair Bolsonaro, apenas um sobreviverá. Torço para que seja o Supremo Tribunal Federal”

José Luiz Penna, presidente do PV

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Sem CPI, projeto vira resposta a fake news

Com os trabalhos da CPI mista de Fake News suspensos por causa da pandemia, parlamentares apostam em um projeto de lei que, entre outros pontos, também responsabiliza as plataformas digitais pela …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Maia e oposição dialogam para recompor forças

A oposição a Jair Bolsonaro na Câmara conseguiu ver uma janela de oportunidade na recém-formada aliança do Centrão com o governo: a reaproximação com Rodrigo Maia (DEM-RJ). Para líderes da …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Prefeitos temem não pagar salários de maio

A demora do presidente Jair Bolsonaro em sancionar a lei que autoriza o repasse direto da ajuda de R$ 60 bilhões para estados e municípios enfrentarem os efeitos da Covid-19 deixou prefeitos de todo …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Ministros do Supremo perguntam: e a Saúde?

Mais do que as ofensas e os palavrões presentes na reunião de 22 de abril, escancaradas pelos vídeos divulgados na última sexta-feira, uma ausência impressionou mais ministros do Supremo Tribunal …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Embates preocupam o ministro da Defesa

Interlocutores do ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, dizem que ele está muito “preocupado” e “pensativo” com o momento. Nos bastidores, a crítica dele seria direcionada especialmente ao …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Em “paz” com Bolsonaro, Maia sai do alvo das redes

O “armistício” entre Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia (DEM-RJ), firmado há pouco mais de um mês, passou por um pacto de não agressão nas redes sociais. Depois de uma avalanche de pedidos por “Fora, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Isolamento social” deve ficar de fora de reunião

O Planalto quer aproveitar a primeira reunião do Presidente com todos os governadores desde o início da pandemia para melhorar o diálogo institucional. A expectativa é de que a conversa ocorra sem as …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Secretários se queixam da ausência de Regina

No mesmo dia em que o presidente Jair Bolsonaro expôs Regina Duarte a um novo capítulo de fritura pública, completaram-se dois meses que a secretária de Cultura não se reúne com o colegiado de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Nos estados, protocolo de cloroquina não muda

O novo protocolo de uso da cloroquina no tratamento de pacientes com coronavírus do Ministério da Saúde deve acabar ignorado nos estados. Governadores ouvidos pela coluna, de norte a sul, relatam que …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Municípios querem fila única de leitos de UTI

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) elaborou um estudo em que defende a implementação da fila única de leitos de UTI para tratamento de pacientes com coronavírus. O documento, obtido com …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados