search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Articulação sonha com “economia solidária”
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Articulação sonha com “economia solidária”

Congresso Nacional (Foto: Divulgação)
Congresso Nacional (Foto: Divulgação)

A menos um mês da volta aos trabalhos no Congresso, membros da articulação política sonham com uma equipe econômica “menos independente” e “mais solidária” com o governo. A ideia deles é mudar o modus operandi do time de Paulo Guedes – que, claro, tem funcionado bem, diga-se: aprovou a reforma da Previdência.

No atacado, o discurso soa uníssono. Mas, no varejo, interlocutores do ministro da Economia atuam de forma quase autônoma em relação ao restante do governo, combinando o jogo com Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre.

Quem manda? O Planalto também fica no escuro: a equipe econômica anuncia a entrega da data de um projeto e, apenas na véspera, apresenta o texto para a articulação política, a cargo, principalmente, da Secretaria de Governo, ajudada pela Secretaria-Geral, pela Casa Civil e pelos líderes governistas no Congresso.

Será? Para interlocutores da articulação, esse é um dos motivos das várias cabeçadas no Congresso.

Pre-pa-ra. O governo quer aprovar longa lista de pautas econômicas: PEC Emergencial, reforma tributária, PEC dos municípios, reforma administrativa...

Famoso. Em linhas gerais, foram dois tipos de reação de governistas quando questionados sobre o novo articulador da Economia no Congresso, Esteves Colnago. Quem o conhece fez elogios. Os demais adotaram o modo “muito prazer”.

(function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(d.getElementById(id))return;js=d.createElement(s);js.id=id;js.src='https://embed.ex.co/sdk.js';fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}(document,'script','playbuzz-sdk'));

Não... O Livres prepara ação contra a obrigatoriedade do alistamento militar aos 18 anos após ter conseguido a dispensa do serviço obrigatório de seu associado Emerqui Aguiar por “objeção de consciência”.

...Com... Desde então, 37 pedidos de ajuda foram recebidos pelo movimento. Os motivos? “O governo atual recuperou a pauta militar. Além disso, no início do ano, normalmente há preocupação com o alistamento”, diz Paulo Gontijo, presidente do Livres.

...Essa farda. Gontijo quer uma PEC que derrube a obrigatoriedade do alistamento militar no País.

Vai tu. Se não conseguirem oficializar o partido a tempo, dirigentes do Aliança pelo Brasil veem com bons olhos o ex-governador de Pernambuco Joaquim Francisco, hoje filiado ao PSDB, como uma alternativa à direta em Recife.

Longe daqui. Em um cenário por enquanto dominado pela centro-esquerda na capital pernambucana, a direita bolsonarista também ensaia um flerte com o ex-ministro Mendonça Filho (DEM) na disputa pela prefeitura. A aproximação ainda encontra resistência da militância do Aliança.

War. Estrategistas dos principais partidos de centro e de direita acham que Recife, Fortaleza e Salvador podem decidir as eleições de 2022 se estiverem dominadas pela esquerda.

Taokey. A sugestão de subsidiar a conta de luz de igrejas foi dada pela bancada evangélica ao próprio Jair Bolsonaro em dezembro.

Prioridades? Levantamento do Instituto Sou da Paz identificou que das cinco propostas legislativas enviadas à Câmara com urgência ano passado, duas eram sobre porte de armas.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Onda de fake news ataca governadores

Desde o acirramento do embate entre os estados e a presidência, cresce exponencialmente a onda de notícias falsas que têm governadores como alvo. O grosso dessas fake news circula em grupos de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

PSDB posterga ida para a oposição a Bolsonaro

Apesar de o sentimento majoritário entre os tucanos ser de oposição formal e imediata a Jair Bolsonaro, esse movimento só deverá ser oficializado pelo PSDB ao término deste período crítico da crise …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Plano da Saúde chegou tarde, avaliam gestores

O documento do Ministério da Saúde entregue a secretários municipais e estaduais com o plano de combate à Covid-19 foi lido por gestores como uma iniciativa tímida e tardia. Uma das principais …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Para Temer, País tem de evitar impeachment

Depois do pronunciamento de Jair Bolsonaro na quarta-feira, Michel Temer subiu aos trend topics do Twitter: expressões na linha “eu era feliz e não sabia” surgiram em vários perfis porque o contraste …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Contradições e “guerra cultural” do Presidente

Quando o País ainda buscava assimilar as medidas anunciadas por Paulo Guedes, Jair Bolsonaro minimizava mortes pela Covid-19 e deixava atônitos os mundos político e jurídico. Em contraste com a …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Caminhoneiros lançam ameaça de paralisação

Começaram a circular nas redes vídeos com líderes dos caminhoneiros, alguns famosos pela greve de 2018, criticando as restrições impostas em solo paulista à abertura do comércio. Em um deles, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Para aliados, Mandetta fez “recuo estratégico”

Aliados de Luiz Henrique Mandetta (Saúde) no DEM interpretaram a afirmação do ministro sobre a quarentena como “recuo estratégico”. Após o desastroso pronunciamento de Jair Bolsonaro na …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Redes bolsonaristas contra o isolamento

As redes bolsonaristas trabalham a todo vapor e começa a ganhar força em vários grupos a ideia de que vale afrouxar o confinamento para "salvar" a economia brasileira. Em linhas gerais, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Ibope: resiliência e desgaste de Bolsonaro

Para além dos resultados aferidos, a pesquisa Ibope (em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo e a Associação Comercial de SP) subsidiou no meio político algumas previsões quanto ao futuro de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Técnico”, Mandetta se projeta nas redes

A crise do coronavírus está turbinando a popularidade digital de Luiz Henrique Mandetta, conforme estudo exclusivo elaborado pela Quaest Consultoria a pedido da Coluna. Na rede social preferida do …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados