search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Após vídeo íntimo vazar, Léo Dias revela que pensou em tirar a própria vida

Entretenimento

Famosos

Após vídeo íntimo vazar, Léo Dias revela que pensou em tirar a própria vida


 (Foto: Reprodução/Instagram)
(Foto: Reprodução/Instagram)
Acostumado a comentar sobre a vida de famosos e subcelebridades, o jornalista e colunista Léo Dias viu o jogo virar e desde a última segunda-feira (27) está tendo sua vida exposta na internet e em veículos de comunicação após ter um vídeo seu vazado. Nas imagens, que começaram a circular no Twitter, o jornalista aparece usando drogas.

Na manhã desta terça-feira (28), Léo Dias fez um desabafo ao expor seus sentimentos com relação ao uso de drogas e afirmou que pensou em tirar a própria vida após a divulgação das imagens.

A polêmica teve início quando o jornalista Erlan Bastos acusou a também colunista Fábia Oliveira de trair Léo Dias, seu amigo e ex-colega de jornal O Dia. Pela rede social, Bastos publicou um texto onde afirma ter recebido da jornalista o vídeo de Dias usando drogas.

“Você já ouviu falar no termo “amiga da onça”, que se aplica para aquela pessoa que você jura que é sua amiga mas pelas costas te trai? Exatamente! Uma famosa colunista, famosa principalmente por copiar informações exclusivas de colegas de trabalho fingindo serem apurações suas, aprontou uma com seu amigo, amigo mesmo, pois já trabalharam juntos e tudo”, escreveu Erlan.

Além de desabafar por enfrentar o vício com as drogas, Léo Dias também fez questão de defender Fábia Oliveira, que já foi sua assistente e virou amiga pessoal.

“Desde as primeiras notícias envolvendo Fábio Assunção por consequência de sua dependência química, eu me privei de falar. Não por ter a mesma doença. Simplesmente porque é uma doença. Numa era em que tanto fala-se de compaixão e empatia, foi uma maneira clara de se solidarizar com a dor do outro. Se colocar no lugar do outro vale mais do que clique. Um outro episódio que marcou a minha carreira foi o vídeo do ator xxx com transsexuais. Muita gente me recriminou. E eu contestei. Se fosse uma loirinha ou moreninha, estava ótimo pra ele. Mas porque ele não pode ter preferência por trans? Qual problema? Tesão cada um tem o seu”, afirma o jornalista.

Dias continua o desabafo e fala sobre a associação do vício, além do tratamento que faz para que consiga viver sem as drogas. Ele também culpa a pessoa que estava na casa dele e que filmou toda a ação.

“E até que chegou o meu dia de ser o alvo. Sexo não é intimidade, amor, sim. Por isso as chances de errarmos quem levamos pra cama é bem maior do que quem levamos pro altar. Errei ao levar para a minha casa um ser tão mal caráter. Mas estava entre quatro paredes, na intimidade do meu lar. O intruso ali não era eu. Mas eu tenho que admitir que tudo isso é consequência da droga. Na terapia, aprendi que a cocaína sempre se associa a algo para viciar mais: muitos associam o álcool à cocaína, outros o trabalho, outros (como eu) ao sexo. É isso é gravíssimo. O grande perigo da cocaína é que ela é facilmente adaptável em vários ambientes, diferentemente de outras drogas”.

No fim do relato, Léo confirma a veracidade das imagens e fala sobre o pensamenjto de tirar a própria vida.

“Eu soube da existência desse vídeo no domingo (26), via Twitter, um dias antes dele viralizar numa rede de conteúdo duvidoso e aquilo me deixou tão mal, mas tão mal que eu pensei em por fim a minha vida, por vergonha. Pedi perdão a Deus e que Deus tenha piedade desse senhor que se intitula jornalista. Mas como eu já expus o meu melhor e o pior de mim, estou aqui, de peito aberto, para falar de vários tabus da sociedade”, finaliza.

Defesa

Fábia postou uma foto ao lado de Léo Dias e se declarou para o amigo (Foto: Reprodução Instagram)
Fábia postou uma foto ao lado de Léo Dias e se declarou para o amigo (Foto: Reprodução Instagram)
Logo após a publicação do jornalista Erlan Bastos, Léo Dias e Fábia publicaram, em suas respectivas redes socais, desabafos sobre o ocorrido e afirmando que seguem amigos.

“Ele foi meu mestre. Virou meu amigo. Hoje é meu irmão. E não há intriga no mundo capaz de me afastar desse grande homem com coração de criança. Todo mundo erra. E que atire a primeira pedra quem nunca errou. Léo Dias, estou com você. Estarei sempre. E quem mexer com você vai ter que se ver comigo. Porque você é meu. E com os meus… ninguém mexe. Te amo!”, escreveu a colunista, ao lado de uma foto com o jornalista do UOL. E ainda mandou um recado: “Ah, Erlan Bastos, aguarde nosso presente para você”.

Léo Dias também não deixou a acusação passar em branco. Defendeu a amiga e disse que vai processar Erlan Bastos:

“Ela é um dos meus maiores orgulhos profissionais. Em pouco tempo, saiu de assistente para ser uma renomada e temida colunista. Ela é o Léo Dias de tempos atrás. Na umbanda (religião dela que eu respeito demais) diz que o nosso elo é de outra vida. E ai… vazam vídeos… meus queridos, nunca fui santo e nem criei um personagem diferentemente do que sou. Nunca enganei a ninguém. Nem a mim mesmo. Na entrevista do Mazzafera falei da associação da droga ao sexo. E luto diariamente com isso. Vale ressaltar que este vídeo é antigo, nem moro mais naquele apartamento. Mas isso pouco importa. Fui inocente. Quebrei a cara. Dois seres sem caráter: quem fez o vídeo e, principalmente, quem divulgou. Aliás, prepare-se Sr. Erlan Bastos, faremos (eu e Fábia) denúncia contra o senhor na Cidade da Polícia. Lamento profundamente que veículos de comunicação contratem esse senhor que nunca deu um furo jornalístico sequer”, escreveu.

Léo Dias postou uma foto ao lado de Fábia Oliveira (Foto: Reprodução Instagram)
Léo Dias postou uma foto ao lado de Fábia Oliveira (Foto: Reprodução Instagram)
Ajuda

Léo falou novamente sobre a dependência química e quer relatar suas experiências em um blog para ajudar quem lida com o mesmo problema.

“Esse último acontecimento será o ponto de partida para um blog sobre o dia a dia de um dependente químico em recuperação. Relatar experiências, descobrir quais são seus gatilhos, dicas de prevenção, texto para os pais (que muitos se culpam) e como 10 minutos são fundamentais pata evitar uma recaída… Muito em breve, um blog sem fins lucrativos… Talvez seja essa a minha missão de vida”, afirmou o jornalista.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados