search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Amizade para a vida toda

Entretenimento

Publicidade | Anuncie

Entretenimento

Amizade para a vida toda


Há amizades que duram uma noite. Outras, porém, acompanham uma vida. O AT2 ouviu histórias de pessoas que cultivam essas relações que surgiram de forma despretensiosa, mas que ultrapassaram até décadas.

É difícil encontrar alguém que já não teve uma amizade que achou que duraria para a vida inteira. Porém, por inúmeros motivos, algumas relações ficam no passado. Mas por que algumas prosperam e outras não?

Segundo a neuropsicóloga Tammy Marchiori, esses relacionamentos estão sujeitos a constantes transformações, como mudanças de cidade e escola, separação dos pais, traumas, competição, ciúmes, fazendo com que amigos se tornem apenas conhecidos e vice-versa.

E, para que seja algo que perdure, é preciso que haja uma “troca de necessidades emocionais”, sempre um estando presente quando o outro necessita.

“Dificilmente uma amizade a longo prazo é mantida se não há essa troca. Além disso, aspectos como ter valores e interesses em comum, residir próximo, confiar e ter intimidade contam bastante”, diz.

Embora ter uma personalidade parecida possa contribuir, a psicóloga Bárbara Snizek Ferraz relata que melhores amigos não são, necessariamente, parecidos. “São pessoas capazes de compartilhar afeto, circunstâncias e respeito. São parceiros que acolhem e apoiam um ao outro nas mais variadas situações da vida”, destaca.

Para a psicóloga Leidiane Martinez, para quem deseja ter um grande amigo é crucial que haja uma maior frequência desses contatos, com menos julgamentos e maior apoio emocional. “O segredo para manter uma amizade por anos está relacionado à profundidade e à verdade com que o diálogo se solidifica, envolvendo intimidade e apoio mútuo”.


Luluzinhas unidas desde 1997

Grandes amigas desde 1997, o grupo das “Luluzinhas”, como elas se chamam, é formado pela professora Barbara Hanun, 41, pela contadora Shanna Simões Grazziotti, 41, pela jornalista Lúcia Marins, 42, e pela médica Tatiana Knaak, que está na Argentina. Sempre juntas, elas não deixaram que o tempo e as fases da vida as separassem.

Professora Barbara Hanun, 41, pela contadora Shanna Simões Grazziotti, 41, e pela jornalista Lúcia Marins, 42 (de preto)  (Foto: Leone Iglesias / AT)
Professora Barbara Hanun, 41, pela contadora Shanna Simões Grazziotti, 41, e pela jornalista Lúcia Marins, 42 (de preto) (Foto: Leone Iglesias / AT)

O que elas dizem:

Segredo para harmonia: “O segredo de uma boa amizade é cada uma no seu quadrado, mas sempre presente. Ter uma boa compreensão do que envolve a intimidade, se abrir e expressar suas emoções, saber o que dizer quando o amigo lhes conta algo, e respeitar os limites”, explica Barbara.

Novidades sempre em dia: “Somos amigas de chamar a mãe da outra de tia. Durante a faculdade foi um período que nos víamos pouco, cada uma seguiu uma profissão. Mas sempre nos reunimos para colocar as novidades em dia. E na maioria dos encontros rola um caranguejo preparado pela Barbara”, lembra Lúcia.

Presença: “Em boa parte da minha vida elas estão presentes. Não tem como contar a minha história sem lembrar de várias situações e momentos que vivemos juntas, com risadas, tristezas, saídas, reuniões em família”, afirma Shanna.


Amigos e sócios

Pedro Paulo Moyses, 32 anos, e Tito Dias Kalinka, 32 (Foto: Acervo Pessoal)
Pedro Paulo Moyses, 32 anos, e Tito Dias Kalinka, 32 (Foto: Acervo Pessoal)
Pedro Paulo Moyses, 32 anos, e Tito Dias Kalinka, 32, se conheceram na faculdade. Da amizade de 13 anos surgiu também uma sociedade em um pub sertanejo.

“Mais do que amigos, somos praticamente irmãos, estamos sempre juntos torcendo um pelo outro”, destaca Pedro. “A sintonia é tanta que nos tornamos pais quase que ao mesmo tempo, afinal nossas esposas ficaram grávidas no mesmo período”, lembra Tito.


Da escola para a vida

Gisele Quintanilha, Ludmila Sodré, Raquel Gomes, Ana Beatriz Rosestolato e Licia Lugon (Foto: Acervo Pessoal)
Gisele Quintanilha, Ludmila Sodré, Raquel Gomes, Ana Beatriz Rosestolato e Licia Lugon (Foto: Acervo Pessoal)
Gisele Quintanilha, Ludmila Sodré, Raquel Gomes, Ana Beatriz Rosestolato e Licia Lugon se conheceram na escola, nunca mais se desgrudaram e são como irmãs.

Elas, inclusive, têm até um pingente que são cinco peças de um quebra-cabeça em forma de coração, simbolizando cada uma.

“Como estamos com 46 anos, nossa amizade já dura há 42, e nos orgulhamos disso demais. É um verdadeiro encontro de almas”, explica Ludmila.


Respeito e apoio

A empresária Mariana Baldo Flores, 41, e a engenheira civil Liana Schwartz Borges, 41, se conheceram na escola e são amigas há mais de 30 anos. Passaram muitos carnavais juntas, eventos de família, passeios e cultivam grande confidencialidade e amor uma pela outra.
Para ambas, o segredo de uma boa amizade é estar presente, manter contato frequente, dar apoio em todos os momentos e respeitar as diferenças.

Empresária Mariana Baldo Flores, 41, e a engenheira civil Liana Schwartz Borges, 41 (Foto: Acervo Pessoal)
Empresária Mariana Baldo Flores, 41, e a engenheira civil Liana Schwartz Borges, 41 (Foto: Acervo Pessoal)


Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados