search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Alimentação, uma superaliada no controle da fibromialgia
Nutridicas
Gabriela Rebello

Gabriela Rebello


Alimentação, uma superaliada no controle da fibromialgia

A fibromialgia é uma síndrome clínica caracterizada pela presença de dor crônica, fadiga, alterações de sono, podendo levar a quadros de ansiedade e depressão.  O tratamento deve ser feito com equipe multidisciplinar. Mas a boa notícia é que a alimentação é uma importante aliada no controle desses incômodos. O objetivo principal da alimentação é controlar as dores e o excesso de peso comum em pacientes com o diagnóstico de fibromialgia.

No cardápio dos pacientes com essa enfermidade é importante reforçar nutrientes antioxidantes, como as vitaminas C, E o ßB-caroteno, coenzima Q10 e vitamina D, e anti-inflamatórios como o ômega 3.

Esses nutrientes são encontrados em alimentos como brócolis, couve de Bruxelas, gérmen de trigo, sementes de abóbora e girassol, linhaça, chia, nozes, amêndoas, gema de ovo, peixes, morango, caqui, romã, laranja, sálvia, cúrcuma, dentre outros.

Vou compartilhar com vocês uma receita de suco rico em antioxidantes, que pode ser utilizado em qualquer horário do dia complementando as nossas refeições.

Anota ai! 200ml de chá-verde, 1 colher (café) de matchá, 150g de mix de frutas vermelhas (morango, uva roxa, jabuticaba).

Prontinho! É só bater tudo com um mixer ou com o liquidificador e servir bem gelado sem coar e sem adoçar.

Outra dica bacana são os shots matinais. Veja: 1 colher (café) de cúrcuma, 1 colher (café) de canela, 1 colher (café) de gengibre em pó, 1 colher (café) de cardamomo. É só misturar os ingredientes com um pouco de água e tomar diariamente em jejum.

O organismo do paciente com fibromialgia precisa de uma dose extra de energia e eu vou ensinar para vocês a receita de um shake que é tudo de bom!

Anote: 180ml de leite vegetal de sua preferência, 1 banana, 20g de aveia, 10g de chia, 20g de levedo de cerveja, 20g de mix de oleaginosas. Simples! É só bater no liquidificador e servir.

Várias delicinhas que podem ser adicionadas ao cardápio. Barato, prático e saboroso!

Mas fica o alerta, alimentos inflamatórios como carne vermelha, bebidas alcoólicas e industrializados, no geral ricos em açúcares e gorduras trans (bolachas, salsicha, linguiça, bacon, manteiga), devem ser evitados, pois aumentam os níveis de inflamação (dores).

Ou seja, embora não existam recomendações nutricionais específicas, os pacientes com os desconfortos da fibromialgia podem beneficiar-se de uma alimentação baseada nos princípios da nutrição saudável, rica em antioxidantes, e da redução de peso, quando houver indicação.

Se necessário, para conseguir pôr em prática uma dieta mais equilibrada e personalizada, consulte um nutricionista de sua confiança.
Bom final de semana!

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados