X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Complexo do Alemão tem intensa troca de tiros em operação das polícias

Um policial, uma moradora e dois suspeitos morreram durante a operação

Agência Estado e informações de g1 | 21/07/2022 09:19 h

Caveirão durante operação da polícia
Caveirão durante operação da polícia |  Foto: Reprodução Twitter
 

Uma operação conjunta que reúne cerca de 400 agentes das polícias Civil e Militar provoca intenso tiroteio no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, e em bairros próximos na manhã desta quinta-feira (21). A ação é de combate contra um grupo criminoso que pratica roubos de veículos nos bairros do grande Méier, Irajá e Pavuna.

Segundo a PM, na favela da Fazendinha, a base da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) estava sendo atacada por criminosos por volta das 8h. Eles também colocaram barricadas e jogaram óleo na pista para dificultar o acessos dos policiais.

A TV Globo informou que, até às 8h, um policial e dois suspeitos tinha sido mortos durante a troca de tiros. O portal g1 informa que além deles, uma moradora identificada como Letícia Marinho, de 40 anos, também morreu. Familiares dela afirmam que ela foi baleada dentro do carro por policiais.

A operação conjunta, que conta com equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), tem reforço de dez veículos blindados e quatro aeronaves

Policiais militares do 3ºBPM (Méier), do 41ºBPM (Irajá) e de outros batalhões do 2º Comando de Policiamento de Área (zonas norte e oeste da cidade do Rio de Janeiro) ainda atuam nas comunidades Juramento e Juramentinho.

"Esse grupo criminoso vem empreendendo roubos a bancos como aqueles que ocorreram no município de Quatis, em Niterói e na Baixada Fluminense, e roubos de carga, além de planejar tentativas de invasão a outras comunidades. Entre os roubos de carga realizados pelos criminosos constam roubos de óleo diesel para derramar em ladeiras quando estivessem ocorrendo operações visando dificultar o avanço de guarnições policiais", informou a polícia.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS