search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Rap da impunidade
Tribuna Livre

Rap da impunidade

Eugênio Ricas (Foto: Tribuna Livre)
Eugênio Ricas (Foto: Tribuna Livre)
A InSight Crime é uma fundação dedicada ao estudo da principal ameaça à segurança dos países e indivíduos da América Latina e Caribe: o crime organizado. É uma das mais prestigiadas organizações do mundo quando o assunto é o estudo da criminalidade. Os relatórios, análises e investigações são referência para grande parte dos pesquisadores que estudam esse importante fenômeno.

Para tristeza de todos nós brasileiros, a InSight Crime aponta o PCC (Primeiro Comando da Capital) como a segunda mais perigosa organização criminosa da América Latina e, obviamente, a mais letal, nociva e organizada do Brasil.

No último dia 10/10, um dos líderes do PCC dentro e fora dos presídios brasileiros foi beneficiado e solto após a concessão de uma liminar em habeas corpus pelo ministro do STF, Marco Aurélio Mello. Horas depois da concessão, o Presidente do STF, ministro Luiz Fux, suspendeu a decisão anterior, determinando o retorno à prisão do criminoso André Oliveira Macedo, vulgo, André do Rap.

Infelizmente, era tarde demais. Ao que tudo indica o criminoso se valeu da deliberação inicial para fugir do País.

Na última vez em que foi preso, em 2019, a polícia apreendeu na residência de André do Rap dois helicópteros, um deles avaliado em cerca de 7 milhões de reais e uma lancha de 60 pés, avaliada em R$ 6 milhões. Além desses bens, André também ostenta pelo menos uma mansão e outros objetos de grande valor em seu patrimônio. Definitivamente, ele não é um criminoso comum.

Duas condenações por tráfico internacional de drogas (ainda sem trânsito em julgado), com penas que alcançam quase 26 anos em regime fechado o mantinham atrás das grades. Investigações da Polícia Federal que resultaram na apreensão de quase 4 toneladas de cocaína concluíram que André do Rap era um dos responsáveis por um dos maiores esquemas de tráfico de cocaína do Brasil para o exterior.

Ficou comprovado, também, o vínculo do PCC e de André do Rap com a máfia italiana, conhecida como Ndrangheta.

O dispositivo legal invocado pela defesa e acatado pelo ministro Marco Aurélio para soltar André do Rap foi fruto de alteração legislativa publicada em 2019. A Lei 13964/2019 que alterou o artigo 316 do Código de Processo Penal passou a exigir que os juízes que decretem uma prisão preventiva a renovem a cada 90 dias, sob pena de tornar a prisão ilegal.

Com base nessa inovação, um dos mais perigosos criminosos da América Latina conseguiu sair pela porta da frente da prisão e, como era previsível, fugir do País.

O tráfico de drogas e o crime organizado são os grandes responsáveis pelo inaceitável número de homicídios que tem esfacelado o Brasil todos os anos. Só em 2018 foram 58.000. Infelizmente, a sociedade brasileira segue atônita sem entender como, num cenário de guerra, ainda convivemos com leis e decisões que parecem só proteger bandidos. Essa história toda, de tão inacreditável, poderia ser transformada numa obra de ficção, ou numa música. O título seria o “Rap da impunidade”.

EUGÊNIO RICAS é adido da Polícia Federal nos Estados Unidos.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

A escola de educação infantil e a pandemia do novo coronavírus

A quarentena e, consequentemente, o isolamento social, afetaram diversos setores, entre eles o educacional, seja a rede pública – município, estado e União – ou privada. Nesse contexto, vimos nossas …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia do novo coronavírus, o trânsito e a coletividade

Muito se fala sobre as lições que a pandemia nos trouxe e, de fato, tanta dor, sofrimento e incerteza permitem uma série de reflexões sobre nosso comportamento como indivíduos e como sociedade. …


Exclusivo
Tribuna Livre

Novembro Azul: evolução no combate ao câncer de próstata

Sociedades de Urologia pelo mundo afora recomendam a realização de exames para detecção precoce do câncer de próstata e, no mês de novembro, nós lembramos a comunidade da importância disso. A …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia e a violência contra a mulher no Brasil

Os “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres” começa na próxima quarta-feira (dia 25), quando se comemora o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, e …


Exclusivo
Tribuna Livre

Prioridades para novos gestores vão além de apenas administrar

A disputa eleitoral já passou, portanto, sabemos temos definida parte dos próximos gestores municipais. Como faz parte do jogo democrático alguns ganham e outros perdem, que essa lógica seja …


Exclusivo
Tribuna Livre

No mês da Consciência Negra, Palmares não pode negar Zumbi

Interminável ano de 2020. Nem o maior dos incrédulos, poderia imaginar que depois dos “anos de chumbo”, estaríamos vivenciando tempos tão difíceis. Tentativas, após tentativas, de se desconstruir os …


Exclusivo
Tribuna Livre

Afinal, na tragédia das marquises, de quem é a responsabilidade?

Não raro, acompanhamos pela imprensa a ruptura de edificações. Recentemente foi a vez do rompimento e queda, sobre logradouro público, de uma estrutura próxima a Praça Oito, local onde circulam …


Exclusivo
Tribuna Livre

A Lei Geral de Proteção de Dados e as informações de passageiros

Muito se tem falado sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), sancionada em 2018 pelo então presidente Michel Temer, que passou a vigorar em 18 de setembro deste ano. A lei se pauta nos direitos …


Exclusivo
Tribuna Livre

Espírito Santo entre os estados que mais importam no País

Ao longo dos últimos anos a receita de ICMS advinda da importação de mercadorias através dos portos e aeroporto do Estado vem crescendo e tendo grande relevância para as políticas públicas do …


Exclusivo
Tribuna Livre

A necessidade de prevenção para evitar ataques cibernéticos

Na semana passada o Brasil foi vítima do que tem sido considerado por muitos especialistas como o maior ataque hacker de sua história. Absolutamente todos os dados e documentos do Superior Tribunal …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados