X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Festival capixaba nesta quarta-feira (10)

| 08/06/2020 16:11 h | Atualizado em 08/06/2020, 16:25

Imagem ilustrativa da imagem Festival capixaba nesta quarta-feira (10)
Na próxima quarta-feira (10), a partir das 19h, vai rolar uma reunião de artistas para fazer o bem, na segunda edição da Live Solidária SOS Graxa ES. Só que, desta vez, a transmissão será pelo YouTube do evento: SOS Graxa ES. E haverá rock, axé, pop e músicas autorais, cantadas por Marcos Bifão, Diego Lyra, Amaro Lima, Guto Ferrari (banda Duets), Dona Fran e Glauco. Cada artista vai apresentar quatro canções do seu repertório, acompanhados por uma banda base. Dessa galera, somente Dona Fran e Diego Lyra participaram da primeira edição, em 13 de maio. O objetivo do festival é arrecadar dinheiro para comprar cestas básicas e materiais de higiene pessoal e limpeza, que serão doados para os profissionais que trabalham com entretenimento. Animado com sua estreia nesse movimento solidário, Glauco, de 29 anos, conversou com o AT2 e adiantou o que prepara para o grande dia. “A ideia é fazer clássicos do axé, aquelas que tocavam no Vital, para animar a galera de casa. Será uma grande oportunidade de matar a saudade de me apresentar e, principalmente, ajudar a galera que não está podendo trabalhar. Todos nós podemos ajudar. Se estiver sem grana, compartilhem o evento. Vamos fazer volume, mostrar para outras pessoas. Estava aqui fazendo as contas, estamos desde o dia 20 de março sem fazer show. A galera que trabalha na noite está parada, precisando da nossa ajuda. Vamos fazer da melhor forma possível. Espero que tenha uma aceitação legal”, contou. Ao falar sobre o repertório escolhido, o cantor e compositor lembra da sua base musical, nas bandas de baile, como integrante de bandas de axé, de samba e pagode. “Só não cantei ópera, ainda!”, brinca. “Na live, vou tocar Asa de Águia, Chiclete com Banana. Mas também mesclar com um Djavan. Vai ser legal! Espero que meu público curta essa live e se sinta como se estivesse no meu show. Estou com muita saudade dos palcos, da energia da galera”, disse.

Glauco | Cantor “Faço shows desde quando eu tinha 13 anos”


AT2: Tocou em banda de baile, axé, samba

Glauco: “Swingueira capixaba”
Glauco: “Swingueira capixaba” |  Foto: Divulgação
e pagode. Agora está na swingueira. É isso?
Glauco: Pois é! (Risos) Hoje, minha carreira está focada nesse estilo. No início do ano, lancei “Vai B, Vai Ném”, que tem letra pra cima, é dançante, em parceria com MC Rogim.

Nada de swuingueira da Bahia. É swingueira capixaba?
Sim! Adorei a história da swingueira capixaba. (Risos)

Sua trajetória na música vem de longe...
Sim! Faço shows desde quando eu tinha 13 anos. Meu pai me acompanhava nas viagens. Enquanto meus amigos jogavam videogame, eu fazia shows, frequentava a Fames.

Os shows em bailes foram importantes para você encontrar seu DNA musical?
Sim, muito! Quando entrava na parte de cantar Harmonia do Samba, de dançar, aí eu me sentia muito bem, à vontade. Em casa.

No palco, você é pacote completo?
Sim. Canto, danço. Me acabo!


Serviço


Live Solidária SOS Graxa ES
O quê: Segunda edição do festival solidário para ajudar os profissionais de eventos.
Quando: Próxima quarta (10), às 19h
Onde: Transmissão pelo YouTube do SOS Graxas ES.
Atrações: Marcos Bifão (do Som de Fogueira), Diego Lyra, Amaro Lima, Guto Ferrari (da banda Duets), Dona Fran, Glauco.
Couvert solidário: Não tem valorfixo e pode ser pago pelo [email protected] Todas as doações serão destinadas à compra de cestas básicas e produtos de higiene e limpeza.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS