search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Corrente
Painel da Folha de São Paulo

Corrente

A disseminação reiterada de informações falsas, muitas delas com ataques a autoridades, e as ameaças do presidente da República de desdenhar de ordens judiciais fizeram ministros do Supremo se unir nas últimas semanas.

A dita preocupação com a situação do País levou a maioria a manifestar apoio ao inquérito de fake news, de Alexandre de Moraes. A investigação era considerada polêmica na época da sua abertura, mas agora é tida como necessária.

Tamo junto
Os ministros têm conversado por meio de videoconferência durante a pandemia. Pelo menos sete já demonstraram apoiar a continuação da investigação.

Complô
Em conversas reservadas, Bolsonaro sugeriu a ministros do STF que vê Moraes como participante de um movimento de conspiração contra seu governo. O Painel mostrou em abril que o Presidente citava supostos dados de inteligência para reclamar de um movimento combinado entre Rodrigo Maia (DEM-RJ), João Doria (PSDB-SP) e setores do Supremo.

Conselho
Os magistrados que estiveram com Bolsonaro têm tentando demovê-lo das elucubrações, mas ainda não tiveram êxito.

Uni-vos
Centrais sindicais e o governador João Doria (PSDB-SP) transformaram a reunião de ontem para discutir a reabertura da economia paulista em um ato político. Os presentes fizeram discursos em defesa da democracia, em crítica indireta a Jair Bolsonaro.

Reação
“Vamos à luta, São Paulo vai defender a democracia até com medidas judiciais, se for necessário”, disse o governador, rival do Presidente. Segundo relatos, o tucano lembrou que seu pai foi perseguido pela ditadura e que ele e família viveram no exílio.

Tempos estranhos
Primeiro a discursar entre os sindicalistas, Ricardo Patah (UGT) falou sobre a preocupação com o que chamou de “período conturbado, com valores republicanos em risco”.

Fluxo
No período de 21 a 27 de maio, 17 perfis alvos de investigação pela Polícia Federal na operação de quarta-feira, autorizada pelo STF, foram responsáveis por 5% das interações da base alinhada à direita no Twitter, segundo levantamento feito pela Diretoria de Análises de Políticas Públicas (DAPP), da FGV, a pedido do Painel.

Vidência
Em um documento enviado ao Ministério da Economia, o Depen (Departamento Penitenciário Nacional) afirmou que rebeliões em presídios são questão de tempo por causa da pandemia. O órgão fala em compras de armamento não letal, como granadas, munições e sprays, no valor de R$ 20 milhões para contenção de revoltas.

Confusão
No ofício, o diretor de políticas penitenciárias vinculado ao Ministério da Justiça, Sandro Abel Sousa Barradas, disse que a compra se justifica para evitar tumultos e motins nas penitenciárias, por causa do aumento “de tensão em ambiente que já é carregado e estressante”.

Tic tac
“Em todos os estados houve restrição de visitas (durante a pandemia), o que certamente eleva a temperatura, e rebeliões são uma questão de tempo e do desenrolar da pandemia instalada”, afirmou.

Censura
O pastor Josué Valandro, da Igreja Batista Atitude, frequentada pela primeira-dama Michelle Bolsonaro, publicou imagem nas redes sociais em que acusou o Supremo Tribunal Federal de perseguição àqueles que criticam os ministros da Corte.

Súplica
“O que você achou da perseguição do STF a youtubers, comediantes e empresários que o criticam? Dê sua opinião respeitosa”, escreveu Valandro em uma postagem no Instagram. A mensagem foi publicada abaixo de imagem que mostra uma mistura de máscara de proteção e uma mão sobre a boca de um homem, sugerindo censura.

Campanha
Empresários do Paraná estão distribuindo outdoors e folders em apoio ao ex-ministro Sergio Moro e ao STF, no combate às fake news. O presidente da Abrabar (Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas) do estado, Fabio Aguayo, diz que a intenção é apoiar o combate a mensagens odiosas nas redes sociais, inclusive contra estabelecimentos comerciais.

Tiroteio
“O Centrão acredita que se reelegerá com cargos. Mas os mortos só crescem, e logo verão que apoiar o governo é suicídio eleitoral”

De Luiz Carlos Bresser-Pereira, economista e ex-ministro (Fazenda, Administração), sobre aproximação entre governo e parlamentares.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Financiamento

Levantamento da consultoria Quaest estima que 12 canais bolsonaristas de YouTube, investigados no STF no inquérito dos atos antidemocráticos, faturaram ao menos R$ 647 mil nos últimos três meses com …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Hora extra

Um acordo firmado pela Defensoria Pública com o governo, sobre o auxílio emergencial, causou discórdia dentro da instituição. Criado como uma ferramenta de contato direto com o Ministério da …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Não contabilizado

A Polícia Federal indiciou o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB) por crime eleitoral de omissão na sua prestação de contas em 2018, em esquema de candidatas laranjas. De acordo com …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

#Todoslivres

Deputados deram início nos últimos dias a uma articulação para afrouxar regras na proposta que antecipa a execução da condenação para a segunda instância. Segundo o deputado Fábio Trad (PSD-MS), …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Raiva digital

Coordenador-geral de Gestão de Projetos de Saúde Digital do Ministério da Saúde desde março, o médico e militar da reserva Allan Quadros Garcês tem atacado agressivamente o Supremo Tribunal Federal …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Teia

Os problemas de Frederick Wassef com o Ministério Público do Rio podem ir além de Fabrício Queiroz. A operação Anjo e suas declarações recentes levantaram suspeita sobre se o advogado ligado à …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Divã

As conversas de auxiliares do governo com ministros do Supremo Tribunal Federal pela pacificação começaram depois de Jair Bolsonaro ser convencido de que era momento de fazer uma autocrítica e agir …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Bic antissocial

Jair Bolsonaro foi o presidente que, desde José Sarney, menos tratou de benefícios sociais em decretos publicados nos primeiros 18 meses de mandato. O levantamento, feito pelo grupo PEX-Network, da …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Teoria da relatividade

No parecer que embasou a decisão de Jair Bolsonaro de tratar academias e salões de beleza como serviços indispensáveis e que devem reabrir, a despeito da pandemia, a secretaria geral da Presidência …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Bandeira branca

O governo Bolsonaro fez, em um só dia, ao menos cinco gestos de paz, feito inédito neste um ano e meio. Foram três atos do Presidente: discurso conciliador ao lado de Dias Toffoli, escolha na …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados