X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Ranking das dúvidas para o Enem

| 12/10/2020 21:53 h

Daiane Oliveira vai tentar vaga no curso de Medicina e está com dúvidas em questões de Química e História
Daiane Oliveira vai tentar vaga no curso de Medicina e está com dúvidas em questões de Química e História |  Foto: Fabio Nunes/AT

Acentuação, equação do segundo grau, química orgânica, Leis de Newton e construção de tese numa redação. Em comum, esses conteúdos escolares figuram num ranking das dúvidas que os estudantes mais possuem para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que acontecerá nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021.

Um levantamento inédito analisou 113.216 dúvidas de estudantes de todo o País sobre os mais diversos temas. O responsável pelos dados é o aplicativo TutorMundi, que conecta estudantes dos ensinos fundamental e médio com universitários para tirar dúvidas escolares.

Raphael Coelho, CEO do TutorMundi, explica que o ranking leva em conta três fatores principais: o assunto, o número de questões postadas e o tempo gasto em cada uma delas.

Redação foi a terceira matéria em que os alunos mais gastaram tempo resolvendo dúvidas: 2.139 minutos. A matéria, decisiva em provas como o Enem, só perdeu para Matemática (7.900 minutos) e Física (5.264 minutos).

“As dúvidas recaem sobre matérias que os alunos deveriam ter aprendido a dominar até o sexto e sétimo anos do ensino fundamental II”, alerta Coelho.

A estudante Daiane Silva Oliveira, de 18 anos, tentará o Enem para conseguir uma vaga no curso de Medicina da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e para a Emescam. E, neste processo de estudo, está tendo mais dúvidas em Química e História, sobretudo nas questões que tratam de imperialismo e iluminismo.

Faltando três meses para a prova, o especialista em sistemas avaliativos Edebrande Cavalieri aconselha que o ideal é manter o que foi programado no plano estudantil, mesmo com a pandemia.

“Quem estiver seguro e tranquilo não deve alterar nada. Havendo mais tempo disponível, é bom iniciar pequenas revisões. O ato de retomar algum conteúdo no decorrer dos estudos ajuda a fixar mais os conceitos, as informações. O que é pior nesse momento é partir para o tudo ou nada”, resume.

Diante o cenário, A Tribuna reuniu professores das disciplinas de Matemática, Gramática, Física, Química e Redação para analisar as dúvidas e dar algumas dicas para os candidatos e estudantes.


As dúvidas e as dicas dos professores


Matemática

Ranking: Matemática Básica, Equação, Porcentagem, Progressão Aritmética, Geometria Plana, Equação de 1° Grau, Multitemáticas, Fração, Conjuntos e Equação do 2° Grau.

Professor Wagner Delatorre, do Darwin:

  • Entre as dúvidas, as que mais caem são Matemática Básica, Porcentagem, Geometria Plana. Porém, outros assuntos também são muito abordados, como Razão, Proporção, Regra de Três, Estatística, Análise Combinatória, Probabilidades e Geometria Espacial Dentre as citadas, Geometria Plana apresenta uma maior dificuldade.

  • As questões são apresentadas, na sua maioria, relacionando a matemática com o cotidiano. O aluno é levado a interpretar textos, tabelas e gráficos para compreender as questões e, claro, aplicar os cálculos.

  • Geralmente, as questões de Geometria Plana ou Espacial dependem de fórmulas para resolver ou dependem da construção de alguma figura auxiliar por parte dos alunos. Esses fatos dificultam as questões tomando um certo tempo da prova. Percebo também que algumas questões de Probabilidade apresentam resoluções longas e trabalhosas.

Gramática

Ranking: Leitura e Interpretação de Texto, Pronomes, Coerência e Coesão, Gramática Geral, Figura de Linguagem, Acentuação, Período Simples, Função Sintática do “QUE” e do “SE”, Gênero Textual e Estrutura e Formação de Palavras.

Professora Gina Maciel, do UP:

  • A prova analisa aspectos gramaticais, sempre conectados ao texto. Os múltiplos e criativos gêneros, a exemplo de tirinhas, charges, poesias e outros, permitem a elaboração de excelentes abordagens.

  • Assim, o aluno precisa saber a função de uma conjunção ou de um pronome para empregá-los corretamente. Porém, mais do que isso, precisa saber o valor semântico deles para reconhecer a intenção do autor e os efeitos de sentido sustentados por eles na construção do humor.

  • O candidato precisa dominar os assuntos que mais apareceram no exame de 2009 a 2018: leitura e interpretação de texto; estrutura textual e análise de discurso; variantes linguísticas; figuras e funções da linguagem; gênero textual e intertextualidades, sem perder o foco sobre a gramática.

Física

Ranking: Movimento Retilíneo Uniforme, Conceitos básicos de Cinemática, Leis de Newton, Dinâmica de Blocos, Campo Elétrico, Multitemático, Diagramas Horários, Dinâmica e Ondas.

Professor João Duarte, do Leonardo Da Vinci:

  • Dentre os assuntos trazidos como dúvidas, estão alguns que têm aparecido com grande frequência, como Ondas, Cinemática e Dinâmica. Entretanto, outros que também são muito cobrados, como eletrodinâmica e transformações de energia.

  • Para aumentar o percentual de acertos e diminuir o tempo gasto em cada questão, o candidato deve identificar o que está sendo perguntado na questão. Essa parte estará no final do enunciado. Somente após esse passo é que deverá ser feita a leitura do enunciado, destacando os dados da questão. A união da pergunta e dos dados indicará a fórmula que deverá ser utilizada na resolução da questão.

  • Já para a análise dos gráficos, é fundamental que sejam destacadas as grandezas que estão sendo abordadas em cada eixo, com suas respectivas unidades. As questões de campo elétrico e ondas destacam-se como as de maior dificuldade.

Química

Ranking: Físico Química, Soluções e Misturas, Química orgânica, Atomística: Modelos Atômicos, Química Geral e Inorgânica, Estequiometria, Eletroquímica, Equilíbrio Químico, Isomeria e Termoquímica.

Professor  Mário Broetto, do Leonardo Da Vinci:

  • Analisando o Enem de 2009 até agora, em termos de volume de questões, em primeiro lugar aparece a química orgânica, principalmente estruturas e solubilidade de compostos orgânicos. Em segundo, temos a química ambiental. Em terceiro, surgem cálculos químicos e estequiometria.

  • Toda prova costuma trazer uma ou duas questões que exigem noções de termoquímica e do comportamento ácido-base das substâncias. Também são comuns questões com gráficos e tabelas, que exigem interpretação. Por isso, quanto mais exercícios o aluno fizer, mais habilidade de resolução terá.

  • O enunciado sempre traz boas dicas quanto ao direcionamento do raciocínio. Então, lê-lo cuidadosa e repetidamente ajuda, mas é preciso dizer que química é uma das provas mais conteudistas do Enem. Por isso, o domínio do assunto é fundamental para chegar às respostas.

Redação

Ranking: Correção de texto, Construção de uma tese, Estrutura de texto e Desenvolvimento da tese.

Professora  Ana Paula Oliveira, do UP:

  • A correção do texto é fundamentada em cinco competências. A 1 está vinculada ao domínio da norma padrão. A 2 avalia a compreensão a respeito da temática e como o candidato estrutura isso numa dissertação - introdução, desenvolvimento e conclusão. Três partes, formatadas em quatro parágrafos. A competência três avalia a maneira como se articula. A quatro avalia encadeamento entre as ideias. E a cinco é muito relevante porque o aluno tem que articular proposta de intervenção. Cada uma das competências vale 200 pontos.

  • Na introdução, tem que apresentar o tema. Tem que fazer a leitura e já pensar em qual problema vai discutir. Ele precisa, desde a tese, ter consciência que vai problematizar o tema proposto, para depois apresentar a proposta de solução/intervenção.

  • A tese deve ser feita a partir de duas ideias: a primeira desenvolve no 1º parágrafo e a 2ª no segundo.

  • No desenvolvimento da tese, o aluno pode abordar origem do problema e indicar efeitos para sociedade.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS