X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Dicas para escolher brinquedos criativos para o Dia das Crianças

| 08/10/2020 16:00 h

Hailton levou a filha  Alice para escolher o mimo, com a psicóloga Rosana
Hailton levou a filha Alice para escolher o mimo, com a psicóloga Rosana |  Foto: Kadidja Fernandes/AT

Com a chegada do Dia das Crianças, muitos pais já estão à procura de presentes para os filhos. Bonecas, carros e bicicletas são mimos comuns e embora a escolha deva atender aos interesses dos pequenos, é possível conciliá-la com recomendações de especialistas sobre brinquedos criativos, que estimulam o desenvolvimento infantil.

Segundo especialistas ouvidos pela reportagem de A Tribuna, brinquedos que prendem a atenção das crianças, trabalhem o raciocínio lógico, a sensibilidade artística e a criatividade podem ser ótimas escolhas para os pequenos.

“Existe hoje uma variedade enorme de brinquedos educativos e criativos. O contato com eles ajuda a criança no desenvolvimento de sua autonomia, comunicação, interação com o meio familiar e é também instrumento de autoconhecimento”, explicou a especialista em terapia cognitiva comportamental na infância e na adolescência Lana Francischetto.

A especialista em psicologia infantil Rosana Carlesso explica que os jogos de tabuleiro e os quebra-cabeças ajudam na socialização das crianças com a família ou com os amigos e, por esse motivo, são boas opções de presentes para os pequenos.

“Os jogos de tabuleiro aproximam todos os integrantes da família e, alguns, estimulam, inclusive, o raciocínio lógico”, revelou.

Diversidade

Além dos jogos, as bonecas negras também são boas opções de presentes, já que ressaltam a importância da diversidade de cor perante a sociedade.

“É uma forma das crianças aprenderem sobre a nossa diversidade e não crescer com estereótipos”, disse.

Quem decidiu se antecipar e comprar um brinquedo criativo para a filha foi o chapeiro Hailton Ferreira, pai de Alice, 5 anos.

“Ela queria uma boneca branca, mas depois que conversamos com ela, a negra foi superaceita e ela amou”, conta o pai.

Uma outra dica para presentear os pequenos são as massas de modelar e os brinquedos que estimulam exercícios físicos.

“As massas estimulam o trabalho sensorial e da criatividade dos pequenos. Os patins e as bicicletas, desde que a criança seja acompanhada por um adulto, são sempre indicados, pois trabalham a coordenação motora, além de dar noção de tempo e de espaço”, afirmou a psiquiatra da Infância e da Adolescência Fernanda Mappa.


Algumas dicas


1 - Evite brinquedos eletrônicos

  • Optar por brinquedos fora do mundo virtual é uma boa opção. Quando isso não for possível, os pais devem impor limites no uso de brinquedos eletrônicos.

2 - Opte por brinquedos de participação coletiva

  • Esse é um bom momento para investir em brinquedos e jogos que estimulem a participação de toda a família, permitindo maior exploração do ambiente e interação com o outro.

3 - Respeite a faixa etária dos brinquedos

  • O indicativo de faixa etária é uma forma de garantir a segurança das crianças e deve ser seguido para uma escolha adequada.

4 - Escolha os brinquedos educativos

  • Brinquedo Mesinha da Hora, 
R$ 49,90 nas lojas Minipreço
    Brinquedo Mesinha da Hora, R$ 49,90 nas lojas Minipreço |  Foto: Divulgação
    Esses brinquedos estimulam a criatividade e a imaginação, contribuindo para o desenvolvimento das crianças.

5 - Opte por brinquedos não estruturados

  • Brinquedos prontos, que funcionam sozinhos, não são interessantes. É melhor que os brinquedos possam ser manuseados e transformados. Esses brinquedos estimulam a criatividade e o raciocínio lógico.

6-  Priorize brinquedos lúdicos

  • São aqueles considerados atividades lúdicas, como pintura, jogos de tabuleiro, quebra-cabeças, massinhas e fantoches. Eles são muito interessantes, pois estimulam o aprendizado e a socialização.

7-  Pesquise jogos que ensinam regras

  • Jogo para estimular a criatividade e o raciocínio lógico, por R$ 49,90
    Jogo para estimular a criatividade e o raciocínio lógico, por R$ 49,90 |  Foto: Divulgação
    Muitas crianças não conseguem lidar com as frustrações e a perder uma partida. Jogos podem ensinar a importância das regras.

8 - Jogos e brinquedos de estímulo musical

  • Esses brinquedos irão introduzi-los à educação musical. Instrumentos musicais de brinquedo, por exemplo, podem despertar o desenvolvimento de um novo interesse nos pequenos.

9 - Leia os avisos de segurança

  • Se não existirem ou não estiverem em português, opte por outro brinquedo.

  • A embalagem também deve trazer a identificação do fabricante ou importador.

10 - Produza os brinquedos em casa com seu filho

  • Essa prática leva a criança ao senso de organização do seu tempo e de etapas, além de interação com o meio e com o outro. É também validativa, pois a criança vê o seu brinquedo pronto. Com a imaginação aguçada, é possível proporcionar momentos únicos ao desenvolvimento da criança, que geralmente ficam marcados na memória.

11 - Opte pelas bonecas negras

  • Essa prática inibe que a criança desenvolva durante sua infância preconceitos e estimula o seu entendimento sobre a diversidade de pessoas.

12 - Fantasias de super-heróis

  • Fantasia minions por R$ 49,99, na Central de Aviamentos São Paulo
    Fantasia minions por R$ 49,99, na Central de Aviamentos São Paulo |  Foto: Divulgação
    Além da criatividade, as fantasias estimulam determinadas vocações da criança, principalmente para as artes, como o teatro, por exemplo.

13 - Brinquedos que incentivem atividades físicas

  • As bicicletas e os patins são brinquedos que trabalham a coordenação motora e que criam noção de tempo e de espaço

Fonte: Especialistas entrevistados.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS