search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

A dura realidade da insônia provocada pela pandemia
Tribuna Livre

A dura realidade da insônia provocada pela pandemia

Entrando no segundo ano da pandemia, um assunto recorrente é a insônia. Com a ansiedade e o estresse que todos estão vivendo, esta síndrome segue em alta. De acordo com um estudo feito pela Universidade de Southampton, no Reino Unido, em agosto de 2020, o número de pessoas que têm insônia aumentou de uma em seis pessoas, para uma em cada quatro.

Já na China, as taxas de insônia aumentaram de 14,6% para 20% no isolamento social; na Grécia, quase 40% dos entrevistados disseram estar com insônia em maio e por aí vai. A palavra “insônia” foi a mais pesquisada no Google em 2020 do que em outros anos.

Fato é que precisamos tomar conta da nossa saúde, e ter insônia não contribui para isso. A síndrome problematiza diversas doenças em longo prazo, como diabetes, obesidade e depressão.

Dormir menos de 7 horas por dia afeta o humor, o trabalho e, na pandemia, tudo é mais intenso.

O prolongamento da pandemia, a saudade da família, dos amigos, do ambiente de trabalho, abalaram a rotina e isto traz consequências alarmantes para o sono, pois o nosso cérebro era acostumado com uma rotina. Ele reconhecia o momento do trabalho, da concentração, do lazer. Agora, muitas pessoas estão em casa e trabalham em quartos, que para nós, médicos, era uma coisa impensável e nunca sugerida, porém que não podemos exigir, sabendo da dura realidade dos brasileiros.

Assim, o sono é afetado por diversos fatores que não são favoráveis. A falta de motivação, a incerteza e a demora na vacina geram uma ansiedade que em algumas pessoas afeta a saúde mental.

Percebo no consultório muitos pacientes com insônia ocasionada por estresse e ansiedade, por perderem empregos, por não saberem como a situação melhorará, é um momento muito difícil, e que precisa de atenção.

O problema pode começar simples, porém tornar-se crônico, afinal, os hospitais estão exclusivamente atendendo casos de Covid-19 e a população fica sem um atendimento básico.

Para tentar contornar a situação e amenizá-la, dou dicas básicas para que as pessoas não necessitem de medicamentos, como não consumir bebidas alcoólicas, nem fumar antes de dormir; evitar o uso de celular; de tevê, tentar relaxar antes de ir para a cama, consumir alimentos leves, tudo ajuda no combate à insônia.
Outra classe que sofre com a insônia e que já relatamos em pesquisa divulgada no ano passado são os profissionais de saúde, com 41% afetados. (Pesquisa da Associação Brasileira do Sono – Absono em maio/junho 2020).

Esses profissionais já estavam abalados no ano passado, este ano estão chegando ao esgotamento, que pode ser causado pela insônia. Teremos fé que esta situação passe logo e que todos continuem se cuidando, para que possamos estar e ficar saudáveis, e retornar ao nosso novo normal.

JESSICA POLESE é médica especialista em Medicina do Sono e presidente da Associação Brasileira do Sono Regional/ES.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

Saúde e segurança do trabalho para impulsionar a economia

Mais de um ano se passou do anúncio da pandemia, uma batalha global contra o SARS-CoV-2, o novo coronavírus, que agora parece ter uma luz no fim do túnel com as vacinas. Mas ainda é preciso estar …


Exclusivo
Tribuna Livre

Maioridade penal e a aprovação da lei no combate à criminalidade

Diz o art. 5º do vigente Código Civil: “A menoridade cessa aos dezoito anos completos, quando a pessoa fica habilitada à prática de todos os atos da vida civil.” E o parágrafo único do mesmo …


Exclusivo
Tribuna Livre

Produtos perigosos e riscos que transitam em nossas rodovias

Substâncias perigosas de diversas origens são transportadas diariamente pelas estradas brasileiras. Entre os milhares de veículos que atravessam o País, estão os que conduzem cargas perigosas e quase …


Exclusivo
Tribuna Livre

Cuidado, cyberstalker! Agora, você poderá ser visto e julgado

Você, assim como eu, costuma postar fotos do seu dia a dia, aonde vai, o que come e como vive? Compartilhar experiências da vida nas redes sociais digitais faz parte. Aliás, essas mídias estão …


Exclusivo
Tribuna Livre

Inconstitucionalidade do imposto de herança sobre bens no exterior

O Supremo Tribunal Federal (STF) declarou a inconstitucionalidade da cobrança de Imposto de Transmissão Causa Mortis ou Doação (ITCMD) sobre bens existentes no exterior, ao julgar RE 851.108-SP, …


Exclusivo
Tribuna Livre

O caos pandêmico e o tempo desnorteado

“Que é, pois, o tempo?” Santo Agostinho cravou: “Se ninguém me perguntar, eu sei; se quiser explicá-lo, já não sei”. Existindo no tempo, este líquido amniótico em que mergulhamos ao nascer, transitam…


Exclusivo
Tribuna Livre

Lei Aldir Blanc e a união cultural de Norte a Sul do Brasil

O trabalho realizado em tempo recorde para que o setor produtivo da cultura obtivesse o recurso da lei, deixou a certeza de que esse é apenas o começo de uma transformação. Toda a experiência que …


Exclusivo
Tribuna Livre

Ato médico e questão de ética

Nos dias atuais têm sido cada vez mais frequentes as discussões médico-jurídicas quanto ao tratamento da Covid-19. Independentemente de questões político-partidárias, há uma certeza: existe um …


Exclusivo
Tribuna Livre

Prioridade para uma reflexão sobre a pandemia da Covid-19

Embora tenha ocasionado a morte de milhares de pessoas no Brasil e de milhões no mundo, no início do século passado, a chamada "gripe espanhola", para a grande maioria dos brasileiros, é desconhecido …


Exclusivo
Tribuna Livre

Os segredos para sair dessa crise melhor do que entrou

O momento sem dúvida é de reflexão, mas posso afirmar que você precisa resgatar aquele vendedor adormecido dentro de você para vencer essa crise. Se você por algum motivo está em uma posição …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados