search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Tenho angústia ou ansiedade?
Doutor João Responde

Tenho angústia ou ansiedade?

Acompanhada pelo marido, visivelmente inquieta, a paciente mal sentou e foi logo dizendo: “Doutor, eu ando muito nervosa e tudo me incomoda. Estou tendo dificuldade de dormir e vivo com dor de cabeça. Esse cansaço e essa fraqueza no corpo também não me largam.”

Nesse momento o marido interrompeu-a, dizendo: “De uns tempos pra cá, minha mulher vem criando confusão por nada. Além de reclamar de tudo, começou com um ciúme doentio. O senhor não vai acreditar, mas ela já chega do trabalho, ralhando comigo. Falou sobre uma loira que viajava ao lado dela, ontem, no ônibus. Como era muita bonita, todos ficaram olhando pra ela. Sim, mas e daí? Eu perguntei. ‘E daí que, se você estivesse lá, também teria olhado pra ela’.”

“Como o senhor está percebendo, Doutor, a patroa não está nada bem”.

Embora esse tipo de paciente apresente sintomas inespecíficos, como fadiga, insônia, tensão muscular, dor de cabeça, crise de choro, insegurança, tristeza, convém pesquisar alguma causa orgânica, antes de rotular o quadro como ansiedade ou depressão.

Enquanto eu buscava algum fator orgânico que justificasse os sintomas, ela me perguntou: “Ansiedade é a mesma coisa que angústia”?

Ansiedade vem de ansiar, que significa esperar. Angústia significa apertar, comprimir. Curiosamente o termo esperança também vem de esperar. Nesse caso, se referindo a um esperar calmo e harmonioso. Por outro lado, o ansiar de ansiedade é um esperar nervoso, tenso, cheio de preocupação. Ninguém diz, por exemplo, que tem esperança de vômito. Sempre afirmamos que temos ânsia de vômito.

Ansiedade traduz sempre algo subjetivo. Seus sinônimos são: apreensão, expectativa, temor, inquietude, nervosismo, etc.

Angústia é descrita como sensações desconfortáveis que aparecem no corpo, como consequência do deslocamento de emoções. Pode se apresentar como dor no peito, dificuldade de respirar, palpitação, cefaleia, tontura e assim por diante.

Ansiedade é a angústia da alma e angústia é a ansiedade do corpo.

Após ter acabado de examinar a paciente, ela questionou se não poderia estar acometida por alguma doença orgânica, além dessas manifestações de cunho psíquico.

Eu respondi que, embora sua avaliação física estivesse perfeita, iria solicitar alguns exames de natureza endócrina e imunológica.

Alguns dias depois, verificamos que todos os exames estavam normais.

Pelo que pude averiguar, a paciente tinha um forte componente hereditário, justificando sua fragilidade emocional. Existiam dois casos de suicídio na família, alertando para etiologia genética.
É claro que essa senhora, além de medicamentos, iria necessitar de acompanhamento psicoterápico.

O estresse libera adrenalina, que produz energia, fazendo o indivíduo lutar ou fugir daquilo que ameaça sua vida. Esse estado de espírito, que se manifesta no corpo, é denominado angústia. Quando a expectativa de medo se mantém, ele se transforma em ansiedade, essa convulsiva febre da alma.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Doutor João Responde

As perigosas mutações virais

Buscando harmonizar-se como um todo, ignorando o egoísmo humano, a natureza se recicla. Equivocadamente, o Homo sapiens tenta mudá-la, em vez de se ajustar a ela. A natureza costuma ser lânguida, mas …


Exclusivo
Doutor João Responde

Medicina baseada em evidência

“Medicina é como amor: nem nunca, nem sempre”. No passado, o médico nem sempre tinha acesso à pesquisa mais recente. Muitas vezes, ele decidia como tratar um paciente, usando apenas sua própria …


Exclusivo
Doutor João Responde

Consolo da falsa ciência

Em tempos de pandemia, alguns medicamentos têm reivindicado status científico, embora careçam de provas ou plausibilidade. A fronteira entre ciência e pseudociência tem implicações religiosas, …


Exclusivo
Doutor João Responde

Predadora célula cancerosa

Para manter-se vivo, o corpo precisa lutar contra tudo aquilo que desequilibra suas funções, inclusive contra si mesmo. Munido de uma poderosa arma antigênica, o organismo protege a vida que mantém …


Exclusivo
Doutor João Responde

Uso de corticoide em Covid-19

Descobriu-se, recentemente, que o esteroide dexametasona diminui a nefasta reação do sistema imunológico contra o coronavírus, aumentando a chance de sobrevivência do paciente grave. Denominada …


Exclusivo
Doutor João Responde

O asfixiante coronavírus

Flutuando no ar, esse invisível inimigo se espalha por meio de gotículas transmitidas ao ar pela respiração, principalmente quando ocorrem espirros e tosse. Estando presentes ao redor, indivíduos …


Exclusivo
Doutor João Responde

Higienização com álcool em gel

Qual a diferença entre desinfetante, antisséptico e esterilizante? Desinfetar é destruir aquilo que causa infecção. Antissepsia é limpar algo contaminado. Esterilizar se refere a um processo de …


Exclusivo
Doutor João Responde

Em busca da vacina milagrosa

Vivendo entre o sonho e a realidade, ninguém é imune à sentença do tempo. A ansiedade é inimiga mortal da nossa paz. A paz é amiga vital da nossa saúde. Estamos atravessando um período dramático…


Exclusivo
Doutor João Responde

Complicações contra a Covid-19

Indagados por não estarem usando máscaras, muitas pessoas afirmam que são resistentes à Covid-19. Esta declaração categórica é bastante perigosa, uma vez que, diante da pandemia, ninguém pode dispor …


Exclusivo
Doutor João Responde

Baço, um órgão pouco lembrado

A designação desse órgão abdominal originou-se pelo fato dele ser embaçado, não se deixando ser atravessado pela luz. O baço sempre constituiu um desafio à curiosidade dos investigadores que …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados