X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Real Madrid vence Sevilla, mantém vantagem na ponta do Espanhol e amplia série invicta


Em jogo tenso e de nível técnico abaixo da média, o Real Madrid superou o Sevilla por 1 a 0, neste domingo, manteve sua vantagem na liderança do Campeonato Espanhol e ainda ampliou sua série invicta na competição. Agora são 20 jogos sem derrota, sequência que garante o Real com oito pontos de vantagem na frente do vice-líder Barcelona.

Cada vez mais perto do troféu, o Real soma 65 pontos, contra 57 do rival catalão, que também ganhou na rodada. Já o Sevilla briga na outra ponta da tabela, tentando se afastar da zona de rebaixamento. Com 24 pontos, está em 15º lugar, apenas três posições acima da zona de rebaixamento.

O jogo no Santiago Bernabéu foi marcado pelo reencontro entre o zagueiro Sergio Ramos e o Real, seu ex-time, e também pela tensão dentro de campo. A partida começou a esquentar aos 9 minutos, quando Lucas Vásquez mandou para as redes. Os jogadores do Sevilla reclamaram de uma falta do Real no início da jogada e o árbitro foi consultar o VAR.

A demora na decisão gerou reclamações de ambos os lados. Até mesmo o técnico Carlo Ancelotti, conhecido pela tranquilidade na beira de campo, criticou o árbitro e levou cartão amarelo. A arbitragem acabou anulando o gol por falta de Nacho no começo do lance. A tensão se manteve com muitas jogadas ríspidas, lances perigosos e muitas reclamações.

Por consequências, os torcedores de ambos os times viram um jogo de poucas chances no restante do primeiro tempo. O apuro técnico dava lugar a disputas mais renhidas nas divididas. A partida só ganhou em qualidade no segundo tempo, quando o Real começou a se sentir mais à vontade em campo.

Logo aos 3 minutos, Valverde acertou o pé da trave, assustando a defesa do Sevilla. Na sequência, aos 9, Vinicius Júnior encheu o pé de dentro da área e exigiu bela defesa do goleiro Nyland.

As investidas deram resultado aos 35. Modric pegou sobra de fora da área, encheu o pé e venceu o goleiro do Sevilla, anotando o único gol da partida. O veterano de 38 anos foi muito festejado pela torcida e pelos próprios companheiros de time.

Mais cedo, o Athletic Bilbao levou 3 a 1 do Betis e viu naufragar sua nova tentativa de se aproximar dos primeiros colocados da tabela. O brasileiro Willian José foi o responsável pela assistência do primeiro gol do Betis, diante de sua torcida. O time de Bilbao estacionou nos 49 pontos, em quinto lugar. O Betis vem logo atrás, com 42.

Em outros resultados do dia, Cádiz e Celta de Vigo empataram por 2 a 2, na casa do primeiro. Os dois times brigam para escapar da zona de rebaixamento. O Cádiz é o primeiro da lista, em 18º, com 18, enquanto o Celta figura em 17º, com 21. E Las Palmas e Osasuna empataram por 1 a 1.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: