search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Aneel usa Covid e o dólar para ajudar “parceiras”
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Aneel usa Covid e o dólar para ajudar “parceiras”

A crise se agrava, mas a agência “reguladora” de energia elétrica Aneel continua agindo como parceira de empresas e distribuidoras, em vez de regular em benefício do consumidor que a sustenta.

Após a demagogia de proibir o corte de luz de famílias de baixa renda, por falta de pagamento na pandemia, liberou aumento na conta para “compensar as perdas”. Como outras agências, usou a antiga lorota: “a alta no dólar”.

História conhecida
Como acontece com os combustíveis, a Aneel deve fazer vista grossa e, quando a pandemia passar e o dólar cair, não haverá redução na tarifa.

É uma mãe
Além de autorizar os aumentos, a Aneel sinaliza com empréstimo de até R$ 16 bilhões para dar “alívio” às distribuidoras pela queda na demanda.

Parceria profícua
Entre 2002 e 2009, governo Lula, distribuidoras cobraram R$ 7 bilhões a mais do que deveriam dos consumidores e ficou tudo por isso mesmo.

Esfolando sem dó
Apenas nos 24 municípios da grande São Paulo, o reajuste médio será de 4,23% para sete milhões de consumidores comerciais e residenciais.

“Jair do B” tem conquistado vitórias na Câmara
O tom ameno do presidente Jair Bolsonaro coincidiu com uma sequência de vitórias do governo na Câmara, que aprovou a medida provisória do Trabalho durante o surto do Covid, a MP que flexibiliza o ano letivo no combate à pandemia, assim como a MP que concede linha de crédito especial a pequenas e médias empresas. Tudo desde 16 de junho.

Este novo momento tem a ver também com a chegada do centrão à “base governista” e do PSD, com a recriação do Ministério das Comunicações.

Não é coincidência
Desde a posse de Fábio Faria (foto) no Ministério das Comunicações, em 17 de junho, o governo coleciona vitórias na Câmara.

Outra MP
A Câmara também aprovou o texto-base da medida provisória que reduz contribuições das empresas ao sistema S.

Outra vitória
O projeto de lei que reformula o Código de Trânsito é de autoria do Poder Executivo e também foi aprovado pela Câmara.

Capitão é quem manda
Insistiu-se na lorota, na escolha do titular do MEC, de que os militares exigiam ser “consultados”. Mal sabem que, no atual governo, militares não dão palpites, nem indicam ministros. Eles apenas batem continência.

Plantão permanente
Parlamentares ávidos por cargos nos estados têm assediado o general Braga Netto, ministro da Casa Civil. Paciente, ele os recebe e atende ligações até altas horas, mas adverte: quem decide é o Presidente.

Esta eleição é inadiável
A Câmara elege, hoje, o 3º secretário da Mesa Diretora, após saída de Fábio Faria (PSD-RN), nomeado ministro. A vaga é do PSD. O 3º secretário gerencia licenças médicas e viagens de deputados.

Conversa mole
Comentaristas de TV fechada, claramente carentes de fontes, continuam recorrendo a truques como “ala militar” ou “ala ideológica” para confirmar a desinformação observada pelo ministro Augusto Heleno (GSI).

Ativistas presos. Já o PCC...
Sobre a prisão de bolsonaristas, a procuradora Thaméa Danelon recomenda analisar “crimes de fato graves” que exigem prisão. Afinal, este é o País cuja Justiça solta bandidos do PCC alegando “pandemia”.

Máquinas a postos
A reabertura gradual da economia em várias cidades e estados iniciada este mês teve impacto direto na indústria. Segundo a FGV, houve alta de 15,2 pontos no índice de confiança do setor, o maior da série histórica.

Na onda da pandemia
Levantamento da plataforma Inteligov mostra que os parlamentares de todas as esferas do Legislativo estão loucos pelos holofotes da Covid: apresentaram 6.325 projetos relativos à pandemia, até agora.

Pensando bem...
...é melhor Jair sentando pra conversar.

Poder sem pudor

Censura na fonte
O comício de Leonel Brizola atraiu uma multidão, em Cruz Alta (RS). “De 10 a 12 mil pessoas”, exultou dr. Schmidt, médico e prefeito da cidade, da janela da prefeitura.

Mas, de repente, naquela época pré-celular, uma repórter pediu para usar o telefone da prefeitura a fim de transmitir a notícia. Ele ouviu o relato dela: “...um fracasso, no máximo 1.500 pessoas”.

Dr. Schmidt reagiu: “Não faça isso, a senhora está mentindo. Tem várias vezes mais pessoas.” Ela não lhe deu confiança: “A notícia é minha, mando a que quero.” O prefeito arrancou-lhe o telefone das mãos: “Pois o telefone é meu e nele você não manda mentira!”.

Colaboram: André Brito, Jorge Macedo e Tiago Vasconcelos

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Era Toffoli no Supremo ressuscitou o “cala-boca”

Verdadeiro mestre no relacionamento, acessível e simpaticão, apesar do discurso frequente em defesa dos direitos do cidadão, Antonio Dias Toffoli caminha para o fim da sua presidência do Supremo …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Nos EUA, planos premiam clientes. Já no Brasil...

Um casal de brasileiros, que reside nos Estados Unidos, tomou susto ao renovar o seguro de saúde: a empresa decidiu reduzir em 30% sua parcela mensal, segundo relatou à coluna. Fidelização e …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Em sessão, desembargador faz piadinha sexual

Após testar positivo por Covid-19 em março, o desembargador Carlos Tork responde agora a investigação por aparecer sem camisa durante sessão virtual do Tribunal de Justiça do Amapá, e na sequência, …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Desembargador que xingou colega será investigado

O ministro Humberto Martins, corregedor nacional de Justiça, decidiu determinar que o ministro Aloysio Corrêa da Veiga (TST), corregedor-geral da Justiça do Trabalho, investigue o desembargador José …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Desembargador que xingou colega será investigado

O ministro Humberto Martins, corregedor nacional de Justiça, decidiu determinar que o ministro Aloysio Corrêa da Veiga (TST), corregedor-geral da Justiça do Trabalho, investigue o desembargador José …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Ex-presidente critica manobras da direção da OAB

O ex-presidente nacional da OAB Reginaldo de Castro está entre os muitos indignados, e não se surpreendeu quando soube que o também ex-presidente Marcus Vinícius Furtado Coelho, para ele “eminência …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Liminar da OAB no STF beneficiou a Qualicorp

Como presidente da OAB nacional, Marcus Vinícius Furtado Coelho ajuizou ação para anular decreto de Dilma que autorizava a operadora de servidores Geap a vender planos de saúde sem licitação e …


Exclusivo
Cláudio Humberto

OAB faz ministros de tribunais passarem vexame

O presidente nacional da OAB, Felipe Santa Cruz, submeteu a vexame vários ministros e até presidentes de tribunais superiores, incluindo Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), que, ao …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Governo define volta do ministério de Segurança

Presidente da Frente Parlamentar de Segurança Pública, o deputado Capitão Augusto (PL-SP) marcou reunião na próxima quinta-feira com o ministro André Mendonça (Justiça) para tratar da recriação do …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Briga com TCU precipitou queda de Novaes do BB

A gota d’água da queda do presidente do Banco do Brasil foi o conflito que ele criou com o Tribunal de Contas da União (TCU), que o Planalto considerou desnecessário, no momento em que o presidente …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados