Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Você pode ser indenizado por ligações excessivas de call center!
Tribuna Livre

Você pode ser indenizado por ligações excessivas de call center!

Alexsandro Rúdio Broetto é advogado (Foto: Acervo Pessoal)
Alexsandro Rúdio Broetto é advogado (Foto: Acervo Pessoal)
Anda recebendo ligações insistentes de alguma empresa ou operadora? Difícil é encontrar quem não passe por essa situação. Uma cena comum do dia a dia: o celular começa a receber insistentes ligações, normalmente de outros estados. Quando a pessoa atende, é alguém que conhece seus dados e quer empurrar algum produto ou serviço.

O cliente não está interessado, então pede para que o seu nome seja removido da lista, mas as ligações continuam. Ele então bloqueia o número, mas logo um outro começa a ligar. Isso já está começando a parecer assédio, não é mesmo?

E de fato é! Essas abordagens invadem o espaço privado do cidadão, ferindo seu direito à intimidade e à vida privada, garantido como um princípio fundamental previsto no artigo 5º, inciso X, da Constituição Federal.

E foi esse o entendimento unânime da 1ª Turma Recursal Cível dos Juizados Especiais Cíveis do RS que, negou recurso da Telefônica Brasil S/A em processo no qual a empresa foi condenada por danos morais e forçada a indenizar em R$ 2 mil o cliente, após realizar um número excessivo de ligações.

Nesse caso, o cliente afirmou ter pedido inúmeras vezes para que cessassem as ligações, o que não aconteceu. Mesmo pedindo para o seu nome ser removido da lista de call center, as ligações continuaram, em horários entre 8 e 21h, totalizando cerca de 10 ligações por dia.

O Código de Ética do Telemarketing, no que diz respeito à Privacidade do Consumidor, preceitua que “os responsáveis pelo serviço devem utilizar as informações dos Consumidores de maneira adequada e respeitar o seu desejo em retirar estas informações das bases de dados”.

Este fato ocorreu em Santa Maria (RS), mas se repete em todo território nacional.Como é o caso da enfermeira carioca, que recebia insistentes ligações no trabalho, o que a levou aentrar com um processo contra a operadora de telefonia. Aenfermeira relatou que não atendia mais a nenhuma ligação, sem saber se era ou não telemarketing. E para piorar,a operadora passou a ligar para o telefone da sua mãe, que era idosa.

A empresa negou as alegações, porém, no 11º Juizado Especial Cível, o juiz Flávio Citro julgou procedente a ação e condenou a operadora a pagar R$ 3 mil por danos morais, e multa de R$ 50 por cada nova ligação comprovada.

Você se encontra em uma situação parecida com essa? Veja como coletar provas para denunciar a empresa infratora:

a. Nesses casos, o cidadão pode pedir a inversão do ônus da prova. É a empresa quem tem que comprovar que o relato não é real.

b. Indique o dia e a hora exata da ligação e outros meios que possam confirmar a veracidade da sua denúncia.

c. A comprovação das ligações feitas para celular é ainda mais fácil: basta capturar a tela, através de um printscreen, enquadrando os números e horários das ligações.

d. Busca na internet por queixas parecidas à mesma empresa e testemunhas também podem ser anexadas ao processo.

Ligações insistentes de empresas e operadoras não são algo normal com que você é obrigado a conviver, se isso está acontecendo, busque agora reparo na justiça através de um advogado.

Alexsandro Rúdio Broetto é advogado.
 


últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

Integração para enfrentar a criminalidade articulada

É sabido por todos, principalmente por aqueles que labutam na área da Segurança Pública, que o crime apresenta várias vertentes e os bandidos utilizam meios cada vez mais articulados para o cometimen…


Exclusivo
Tribuna Livre

Reclamação do cliente pode ser oportunidade para a empresa

A palavra “reclamação” é vista pela maioria das empresas como algo negativo, mas a grande verdade é que a reclamação é uma excelente oportunidade para “enxergarmos” falhas em nossos processos e em …


Exclusivo
Tribuna Livre

O desafio de tratar a dependência química

A dependência química é uma doença complexa, já considerada um dos maiores desafios de saúde pública no País. Diferentes pesquisas mostram o aumento do uso de drogas em todas as classes sociais. A …


Exclusivo
Tribuna Livre

Homenagem a um médico que fez a diferença

Recentemente perdemos um dos grandes personagens capixabas. Estamos nos referindo ao professor Carlos Sandoval Gonçalves, ícone dentre os pesquisadores e professores de Medicina do Brasil, que …


Exclusivo
Tribuna Livre

Educação especial como política pública

Historicamente, a educação especial para pessoas com deficiência é oferecida por instituições privadas, incluídas as especializadas, confessionais e filantrópicas. A partir de 1973, ela foi incorpora…


Exclusivo
Tribuna Livre

O “ser mulher” e a busca pela sobrevivência

Era uma vez uma selva, onde morava uma leoa muito dócil e, ao mesmo tempo, valente. Cuidava de seus filhotes e ia à caça para não lhes faltar alimento. Por instinto, fazia o que preciso fosse para …


Exclusivo
Tribuna Livre

Deixa falar! Deixa viver!

De acordo com o Atlas da Violência 2019, divulgado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), a morte no Brasil tem cor, idade, gênero, classe social e nível de escolaridade. Ou seja, quem …


Exclusivo
Tribuna Livre

Respeito à vontade do idoso sobre sua saúde

Respeitar a vontade do paciente idoso quando ele ainda possui domínio mental sobre a própria vida por meio da Diretiva Antecipada de Vontade (DAV) é um recurso que, aos poucos, vem ganhando força e …


Exclusivo
Tribuna Livre

Qual a sua toga?

A revolução francesa legou àquele país uma cultura política refratária ao Poder Judiciário. Ainda hoje, os salários dos seus juízes são baixos e a jurisdição constitucional é feita por órgão político …


Exclusivo
Tribuna Livre

Inovação. Por onde eu começo?

Inovação é a palavra do momento, sobretudo, no mundo dos negócios. Para quem quer iniciar um processo inovador, seja ele pessoal ou empresarial, um bom começo é buscar compreender o que é a inovação …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados