Vaca atolada na polenta

Gabriela Rebello
Gabriela Rebello
Polenta? Um alimento típico da cultura italiana, mas muito conhecido aqui no Brasil. Pode ser servida mole, dura, grelhada ou frita e ainda recheada com uma variedade imensa de molhos.

Antigamente considerada “comida dos pobres”, a polenta hoje é usada em diversos restaurantes e bistrôs, sem essa nomeação.

Inicialmente, a sua base era a farinha de aveia, mas também podiam ser preparadas com outros cereais, como o trigo.

Hoje, seu destaque se dá por ser à base de milho, o que confere a este alimento os benefícios de ajudar no controle intestinal, controle da glicemia sanguínea, redução do colesterol e melhora dos problemas cardíacos em geral, e isso tudo se dá devido a sua alta concentração de fibras.

Outra grande vantagem é que não possui glúten, sendo assim, muito recomendada para os portadores de doença celíaca.

Fonte de carboidratos, a polenta também é indicada para os anêmicos e aqueles que buscam o ganho de peso.

Mas para os que buscam a perda de peso, atenção! Cerca de 100 gramas de polenta equivalem a 314 kcal.

Se encantou com os benefícios deste alimento? Vamos degustar?

Vaca atolada na polenta

Ingredientes

Polenta – 2 litros de água, 3 xícaras (chá) de fubá e sal a gosto.
Bolinho – 3 quilos de costela de boi (sem osso), 2 quilos de aipim cozido, 1 xícara de farinha trigo integral e 1 xícara de tempero verde, sal a gosto e alho amassado a gosto.
Decoração – Queijo da roça ralado, bacon picadinho frito e couve picada.

Modo de preparo

Para a polenta, ferva a água em uma panela grande. Acrescente o fubá lentamente, mexendo bem.
Deixe cozinhar por uma hora, misturando de vez em quando.
A polenta estará pronta quando estiver consistente e soltando dos lados e do fundo da panela. Reserve.
Cozinhe o aipim com sal até ficar bem mole, passe pelo espremedor e reserve.
Cozinhe na panela de pressão a costela com o tempero verde, sal e alho, até ficar bem mole. Depois, desfie bem a carne.
Junte o aipim amassado com a carne desfiada e faça uma massa homogênea. Coloque trigo integral para dar liga. Faça bolinhos e frite em óleo quente.
Coloque em um prato fundo a polenta mole, ponha os bolinhos fritos por cima, salpique queijo ralado, bacon e couve por cima. Sirva quente.

Delicia não é mesmo? Quem fizer, tira foto e marca a Nutri nas redes sociais #nutridicascomgabi.
Bom final de semana e até a próxima semana!


últimas dessa coluna


Novembro Azul

Às vezes pode parecer que bato na mesma tecla quando falo da importância dos alimentos em diversas situações. Mas a verdade é que com a escolha certa aumentamos as defesas do nosso organismo, que nos …


A íntima relação entre comida e humor

Quando estamos cansados, queremos comer. Quando estamos tristes, queremos comer. Quando estamos felizes, queremos comer. Só não desejamos comer quando estamos doentes, fazendo ginástica ou dormindo, …


É batata, é doce, mas emagrece

E no mês de outubro iniciamos a safra da batata-doce. Vocês já devem ter ouvido falar que ela é a queridinha das dietas dos atletas, principalmente dos fisiculturistas, certo? Mas, muitos não sabem é …


Prevenção à osteoporose

O Dia Mundial de Prevenção à Osteoporose, que atinge principalmente mulheres após a menopausa e idosos de ambos os sexos, é celebrado amanhã. A osteoporose é uma doença crônica, multifatorial e …


Cuidado com o excesso de sal!

O sal de mesa é também conhecido como cloreto de sódio, e o problema está no sódio e não no cloreto e devemos observar que ele está presente também em vários produtos industrializados que consumimos …


Beber durante a refeição faz mal?

É muito comum beber algo durante as refeições. Muitos tomam refrigerantes, enquanto outros preferem opções mais naturais, como chás, sucos e água. Mas será que tomar líquidos durante as refeições faz …


O álcool está engordando você?

Você não dispensa aquele chope gelado no fim de semana ou um drinque com os amigos no happy hour? Há muitos fatores que afetam a perda de peso, tornando o processo mais complicado do que pode …


Colorau: vilão ou mocinho?

Entre todos os temperos, o colorau se destaca por sua coloração intensa, ainda que seja considerado um tempero de sabor fraco para boa parte dos paladares. Seu uso não é muito comum de forma primária …


É para você papai!

Mais um Dia dos Pais está chegando... Eles não são os mais famosos quando o assunto é cuidados com a saúde e alimentação exemplar, mas isso é algo que pode ser mudado. Os homens merecem uma atenção …


Custa caro?

Dentre as desculpas para não se fazer dieta, a campeã é de que custa caro para se manter uma alimentação saudável. Mas a boa notícia é que não é preciso gastar muito para se manter o equilíbrio na …